Herança judaica em Cabo Verde declarada Património Histórico e Cultural Nacional

PorAdilson Pereira,12 jul 2017 12:34

1

O governo classificou como Património Histórico e Cultural Nacional (PHCN) o acervo patrimonial da herança judaica em Cabo Verde. A aprovação do projecto de resolução aconteceu ontem, no Conselho de Ministros.

O governo classificou como Património Histórico e Cultural Nacional (PHCN) o acervo patrimonial da herança judaica em Cabo Verde. A aprovação do projecto de resolução aconteceu ontem, no Conselho de Ministros.

 

“Ilhas como Boa Vista, Fogo, Santo Antão, Santiago e São Vicente têm uma presença [judaica] histórica desde os tempos do povoamento do povo judeu que é preciso valorizar”, salienta o ministro dos Assuntos Parlamentares, da Presidência do Conselho de Ministro, Elísio Freire.

Esta presença do povo judeu em Cabo Verde, que atravessa toda a sua história, no entender de Elísio Freire, precisa também de preservação e de um enquadramento cultural adequado.

Ainda na reunião do Conselho de Ministros de ontem foi aprovado o projecto de resolução que cria a Colecção Permanente de Arte Contemporânea (CPAC).

Na óptica do executivo, trata-se de uma forma de valorizar todo o acervo de artes em Cabo Verde. Com esta resolução aspira-se à criação de condições para dotar as ilhas de um museu de interesse nacional. “Isto passa pela catalogação de todas as obras de arte que existem a nível do país, principalmente a nível do Estado, das estruturas centrais, municipais, nos institutos públicos e das autoridades reguladoras”, explica.

Segundo o porta-voz do Conselho de Ministros, o Centro Nacional de Artesanato, em São Vicente, será a sede da CPAC. Também está prevista a criação de uma figura de curador, cuja função será a gestão de todo acervo de obras de arte em Cabo Verde.

Com esta medida, defende o ministro, o governo estará a promover o acesso a museus, bem como exposições de obras de arte. “É uma forma extraordinária de se aumentar a capacidade de organização do país em termos de organizações de artes a nível nacional”, sublinha Elísio Freire. 

 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Adilson Pereira,12 jul 2017 12:34

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  13 jul 2017 9:38

1

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.