Exportações para a China crescem 215,5%

PorExpresso das Ilhas,13 jun 2018 14:48

Dados do Fórum Macau sobre o comércio entre a China e os países da Lusofonia mostram que aquele país asiático tem um interesse crescente nos produtos cabo-verdianos.

Cabo Verde exportou, no primeiro trimestre deste ano, um total de 14,9 milhões de euros em produtos para a China. Em comparação com o mesmo período do ano passado registou-se um crescimento de 215,5% das exportações nacionais para o mercado chinês.

Os dados do Fórum Macau mostram, no entanto, que o Brasil continua a ser, dentro do espaço lusófono, o principal parceiro comercial da China tendo registado trocas comerciais de 21,4 mil milhões de dólares.

Pequim comprou a Brasília produtos no valor de 14 mil milhões de dólares, mais 25,5% que em igual período de 2017, e o Brasil comprou à China bens no valor de 7,47 mil milhões de dólares.

Angola surge no segundo lugar do 'ranking' lusófono com trocas comerciais com a China no valor de 6,8 mil milhões de dólares, com Luanda a enviar para Pequim produtos no valor de 6,32 mil milhões de dólares e a fazer compras de 481,5 milhões de dólares.

Portugal importou da China bens no valor de aproximadamente 816 milhões de dólares, tendo Lisboa um saldo comercial negativo com o país asiático de cerca de 287 milhões de dólares.

Em termos globais, os mesmos dados indicaram que as trocas comerciais, entre a China e a Lusofonia, se fixaram em 30,2 mil milhões de dólares ao longo dos três primeiros meses do ano, verificando-se um crescimento de 25,9%

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,13 jun 2018 14:48

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  14 jun 2018 10:04

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site