Plataformas de emprego acusam Google de abusar de posição dominante

PorExpresso das Ilhas,14 ago 2019 10:13

Um total de 23 sites de emprego entregará uma carta à Comissão Europeia, acusando a gigante tecnológica norte-americana de práticas anti-competitivas.

A Google está a ser acusada por sites de emprego de abusar da sua posição dominante no mercado, promovendo a sua própria plataforma de procura de emprego em vez dos rivais, diz a Reuters.

Ao que parece, seguirá para a Comissão Europeia uma carta da autoria de 23 sites de emprego, que alegam práticas anti-competitivas da parte da gigante tecnológica. De notar que o motor de busca da Google apresenta ofertas de emprego directamente, enquanto os sites em questão têm alegadamente de investir largas somas para surgir nos primeiros lugares dos resultados de pesquisa.

O caso será agora analisado pela Comissão Europeia sendo que, no passado, a gigante tecnológica já foi alvo de multas milionárias aplicadas pelo organismo que gere os interesses dos países europeus.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,14 ago 2019 10:13

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  14 ago 2019 10:13

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.