​Sobe para 149 número de mortos no ataque terrorista no Paquistão

PorExpresso das Ilhas, Lusa,16 jul 2018 7:30

Pelo menos 149 pessoas morreram e 186 ficaram feridas no atentado suicida ocorrido no Paquistão, na sexta-feira, durante uma manifestação eleitoral na região de Mastung, Baluchistão, indicaram hoje as autoridades num novo balanço.

"O número de mortos chegou aos 149 e o número de feridos é de 186", afirmou o comissário adjunto da região de Mastung.

O balanço anterior, divulgado no domingo, dava conta de 139 mortos e 127 feridos.

O ataque suicida de sexta-feira, já reivindicado pela grupo extremista Estado Islâmico, ocorreu durante uma manifestação eleitoral no sudoeste do país.

Este ataque "foi uma tentativa de sabotar o processo eleitoral, mas o Governo está totalmente comprometido em realizar as eleições", disse o responsável regional pela Administração Interna, Agha Umar Bangulzai.

Os números divulgados colocam este atentado como o segundo maior ocorrido no Paquistão, depois do ataque, em 2014, a uma escola de Peshawar, no qual morreram 150 pessoas.

Este ataque foi o segundo ocorrido na sexta-feira durante um comício eleitoral no Paquistão, onde as legislativas estão marcadas para 25 de julho.

Antes, uma bomba escondida numa mota explodiu perto de Bannu (noroeste), durante a passagem do comboio de outro candidato às eleições, matando quatro pessoas e ferindo outras 40, anunciou a polícia.

O candidato visado, Akram Khan Durrani, representante de uma coligação de partidos religiosos (MMA), sobreviveu ao ataque.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,16 jul 2018 7:30

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  16 jul 2018 9:23

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.