Japão emite alerta de tsunami após sismo de magnitude 7,6

PorExpresso das Ilhas, Lusa,1 jan 2024 12:19

As autoridades japonesas emitiram hoje um alerta de tsunami após um sismo de magnitude 7,6 ocorrido na região de Ishikawa, no centro da ilha de Honshu, a principal do país. Pelo menos uma dúzia de edifícios ruiu e seis pessoas estão actualmente presas sob os escombros.

A agência meteorológica japonesa registou o sismo na península de Noto, na prefeitura de Ishikawa pelas 16:10 locais , a pouca profundidade.

A televisão estatal NHK TV alertou para ondas que podem atingir os cinco metros em praticamente todo o litoral ocidental e apelou à população para subir para zonas elevadas ou para o topo dos edifícios o mais depressa possível.

Entretanto, o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, apelou para o máximo de cautela perante o alerta de Tsunami  e pediu aos japoneses de zonas afetadas para se dirigirem para zonas seguras.

"Quero sublinhar que os cidadãos devem ter muito cuidado e instamos as pessoas residentes nestes locais [abrangidos por avisos de tsunami] para tentarem sair", afirmou Fumio Kishida em declarações à imprensa.

O país foi abalado por uma serie de 21 sismos  de magnitude superior a 4 em pouco mais de 90 minutos. O mais forte dos tremores de terra teve uma magnitude de 7,6,na escala de Richter.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,1 jan 2024 12:19

Editado pormaria Fortes  em  22 jul 2024 23:28

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.