Cremilda Medina dá boas festas aos cabo-verdianos com o tema “Recordai”

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,26 dez 2020 13:24

A cantora cabo-verdiana Cremilda Medina desejou hoje boas festas para todos os cabo-verdianos através do tema “Recordai”, uma composição de Teófilo Chantre.

A menos de uma semana do lançamento do seu novo trabalho, Cremilda Medina, que divulgou no dia 16 o single “Amá Sem Mêde”, que irá compor o seu álbum, resolveu agora gravar o tema “Recordai” para presentear os cabo-verdianos.

“Este ano, devido a tudo o que tem acontecido, senti uma vontade especial de dar Boas Festas pa tud gente” (de dar boas festas para toda a gente), para de certa forma tentar confortar um pouco mais os corações deste nosso Cabo Verde, que tanto tem sofrido com esta pandemia”, explicou Cremilda Medina, numa nota de imprensa.

“Recordai”, revelou, é um dos temas que todos os anos faz parte da sua ‘playlist’ no Natal e Passagem de Ano, por isso este ano decidiu, juntamente com Palinh Vieira, marcar este momento de uma forma mais especial ao gravarem este tema de uma “forma simples, mas muito sentida”, adianta o documento.

Cremilda Medina nasceu e cresceu na ilha do Monte Cara, São Vicente, e desde criança que a música faz parte da sua vida.

Aos nove anos, brilhou na gala dos Pequenos Cantores em São Vicente e com 14 entrou no grupo musical juvenil “Rytmos”, que animou festas e acontecimentos sociais na ilha.

Aos 19 anos, Cremilda passou a fazer parte da banda musical “Noites de Mindelo”.

Mas o seu nome passa a ser conhecido do grande público quando se tornou numa das finalistas do concurso “Talentu Strela”, um programa e espectáculo televisivo de procura de novos talentos.

Cremilda venceu também o prémio Melhor Intérprete Feminina na gala “Mindel Prémio”, em 2011.

Em 2013, foi nomeada para melhor intérprete individual feminina na gala “Mindel Awards” em São Vicente.

Em Dezembro de 2014, fez a sua estreia internacional num concerto em Portugal com um auditório completamente cheio, onde centenas de pessoas aplaudiram de pé a sua actuação.

Tendo como principais referências a cantora Cesária Évora e os cantores Bana, Ildo Lobo, Morgadinho e Paulino Vieira, Cremilda empenha-se na assunção de uma carreira musical assente na tradição e valorização dos estilos tradicionais cabo-verdianos, tendo lançado em Outubro de 2016 o seu primeiro single, a morna “Raio de Sol”, em homenagem à sua avó “Bia”.

Em 2017, recebeu a sua primeira nomeação internacional, nos International Portuguese Music Awards (IPMA) para “Music Video of the Year” nos Estados Unidos da América com o single “Raio de Sol”.

Com o mesmo single, recebeu também em 2017 a nomeação nos Cabo Verde Music Awards (CVMA) para a categoria de “Melhor Morna” e “Melhor Videoclip” e vence o SAPO Award CVMA 2017 “Artista mais popular na internet”.

Em Novembro do mesmo ano, editou o seu primeiro disco de nome “Folclore”, onde explora os ritmos tradicionais, em especial a morna e a coladeira, mas onde também se aventura pelo fado.

Cremilda Medina já partilhou o palco com grandes nomes da música de Cabo Verde, como Diva Barros, Titina Rodrigues, Boy Gê Mendes, Grace Évora, Michel Montrond, Neuza Pina, Mirri Lobo, Boss AC, e internacionais como o cantor brasileiro Diogo Nogueira, o angolano Heavy C e a cantora Shaudeh Price.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,26 dez 2020 13:24

Editado porClaudia Sofia Mota  em  16 jan 2021 23:20

pub.
pub.
pub.
pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.