Djam Neguin representa Cabo Verde em dois Festivais Internacionais de Dança

PorDulcina Mendes,18 abr 2022 15:59

O bailarino e coreógrafo Djam Neguin vai representar Cabo Verde em dois festivais internacionais de dança, que acontecem durante este mês. A informação foi avançada hoje pelo bailarino.

O primeiro será o Festival Dias de Dança em Portugal que acontece na cidade do Porto, de 19 de Abril a 1 de Maio. Convidado pela curadoria do festival, Djam Neguin irá estar em residência criativa no Campus Paulo Cunha e Silva durante todo o festival, e terá acesso ainda a um extenso programa de workshops e espectáculos, ao lado dos maiores nomes da dança contemporânea da actualidade, como Meg Stuart, Boris Charmatz e Bruno Beltrão.

Neste momento, o artista cabo-verdiano está no início do processo de criação do seu novo solo de dança, designado de "Na-Ná", que tem como inspiração temática o género musical Funaná.

Este projecto foi agraciado com a bolsa de apoio à Mobilidade de Artistas atribuída no âmbito do programa PROCULTURA, financiado pela União Europeia, co-financiado e gerido pelo Camões, I.P. e co-financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, com a bolsa de mobilidade de artistas da Gulbenkian.

O projecto foi também recentemente um dos contemplados pelo apoio de incentivo às artes e espectáculos do Ministério da Cultura e Indústrias Criativas de Cabo Verde, que possibilitará a sua participação para o encontro Ilya Dança, que vai acontecer em finais de Junho, em São Vicente, e contará ainda uma exibição na cidade da Praia (sem data ainda prevista).

No segundo certame, Djam Neguin é o convidado cabo-verdiano do primeiro festival internacional de dança contemporânea de São Tomé e Príncipe - OXÉ! O XÊ - Festa da Dança Contemporânea 2022.

O festival é organizado pela RaizArte e conta com a colaboração do Centro Cultural Português em São Tomé e Príncipe, e com o apoio da CACAU ( Casa das Artes Criação Ambiente Utopias). O evento acontece entre os dias 21 a 29 deste mês, em São Tomé, capital de São Tomé e Príncipe.

O festival surge como uma forma de celebrar o dia internacional da dança, 29 de Abril, e contribuir para a diversidade da agenda cultural de São Tomé e Príncipe, através da promoção da dança contemporânea. Conta com a apresentação de espectáculos de artistas nacionais e estrangeiros, ciclos de conversa entre os jovens fazedores da dança nos PALOP -  Moçambique, Cabo Verde e Angola- , e apresentação de documentários, sobre algumas referências do mundo da dança, tal como a coreógrafa Pina Bausch. A participação de Djam Neguin será no dia 21, virtualmente. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,18 abr 2022 15:59

Editado porA Redacção  em  19 abr 2022 14:38

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.