Segunda Colecção da Banda Desenhada PALOP lançada na Praia e no Mindelo

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,7 jul 2024 14:49

​A segunda colecção da Banda Desenhada dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (BDPALOP) vai ser lançadas nas cidades da Praia e do Mindelo, numa série de eventos de banda desenhada e animação dedicados ao públicos geral.

Segundo explica um comunicado de imprensa da JovemTudo Cabo Verde, a que a Inforpress teve acesso, esta colecção resultou do segundo concurso de criação literária da BDPALOP, e estão presentes seis artistas de Cabo Verde, além de contar também com artistas de Moçambique e Angola.

A mesma fonte avança que dos irmãos Tiago e Marco Rendall chega a obra “Oxi” que narra os efeitos da poluição no planeta e da luta de um grupo de pessoas e seres sobrenaturais para os reverter.

“De Rogério Rocha e Aladyr de Oliveira nasce o Clube das Assombrações, uma adaptação livre das tradições da cultura oral, folklore de fantasia e superstição do arquipélago de Cabo Verde”, continuou, enquanto que, revelou, de Alberto Fortes e Cássia Hannah Correia vem a história de 14zinha, uma jovem que luta para lidar com a pressão de pares e as dificuldades que enfrenta em casa, na gestão das suas relações amorosas.

Na cidade da Praia os eventos da BDPALOP terão lugar no dia 10 deste mês, às 15:00, no Centro Cultural Amigos dos Livros, e no dia 11, às 17:00, no Palácio da Cultura Ildo Lobo.

No dia 13 as obras serão apresentadas no Centro Nacional de Artesanato e Design (CNAD), às 17:00, em Mindelo, São Vicente.

A BDPALOP é um projecto que está inserido no programa PROCULTURA PALOP-TL financiado pela União Europeia e co-financiado e gerido pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua visando a criação, divulgação e publicação de banda desenhada, como forma de fortalecer esta cadeia de valor e fomentar a leitura nos PALOP.

A iniciativa tem como parceiros operacionais, o Estúdio Criativo Anima, em Moçambique, a Bomcomix Estúdios, em Angola, a JovemTudo – Revista Colaborativa, em Cabo Verde, e A Seita, em Portugal.

Nos próximos anos a BDPALOP pretende posicionar-se como uma referência internacional na divulgação e produção de BD de qualidade em África e, particularmente, nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), garantindo que artistas e profissionais do meio tenham acesso a mais oportunidades, integrados numa estrutura profissional que incentiva a empregabilidade e a produtividade nesta área.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,7 jul 2024 14:49

Editado porDulcina Mendes  em  8 jul 2024 14:23

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.