China envia delegação a Washington em vésperas de novas taxas alfandegárias

PorExpresso das Ilhas, Lusa,16 ago 2018 7:21

Wang Shouwen
Wang Shouwen

Pequim anunciou hoje que vai enviar uma delegação a Washington, numa altura de crescentes fricções comerciais, com a China e os Estados Unidos a prepararem mais uma ronda de taxas alfandegárias sobre as exportações de cada um dos países.

O ministério chinês do comércio anunciou que a visita, liderada pelo vice-ministro Wang Shouwen, visa abordar "assuntos de interesse comum", sem avançar mais detalhes sobre a agenda.

Os dois governos estão a preparar uma nova ronda de taxas alfandegárias sobre 13,7 mil milhões de euros das exportações de cada lado, a partir de 23 de agosto, numa disputa motivada pela política de Pequim para a tecnologia.

Washington acusa a China de "táticas predatórias", que visam o desenvolvimento do seu setor tecnológico, nomeadamente forçar a transferência de tecnologia em troca de acesso ao mercado.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,16 ago 2018 7:21

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  19 nov 2018 3:22

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.