​Jogo entre Cabo Verde e Guiné-Bissau marca "momento histórico do futebol feminino nacional"

A selecção nacional de futebol feminino recebe, a 16 de Novembro, no Estádio Nacional, na Praia, a sua congénere da Guiné Bissau para o primeiro jogo amigável entre os dois combinados.

Joel Barros, vice-presidente da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF) e responsável pelo pelouro do futebol feminino em Cabo Verde, disse ontem, em Porto Novo, que se pretende que este jogo seja “um momento histórico” entre os dois países.

“Não será apenas um jogo de futebol. Será o primeiro desafio entre as selecções femininas de Cabo Verde e da Guiné Bissau e será, também, uma viragem completa que, em termos organizativos, se pretende dar à modalidade”, realçou Joel Barros.

Especificamente para este jogo, com o qual a FCF pretende homenagear, particularmente, as mulheres do futebol e todos aqueles que têm estado a trabalhar na afirmação do futebol feminino em Cabo Verde, foram convidados os técnicos Silvéria (Nita) Nédio, Gustavo Pires e Artur Estrela.

Segundo o vice-presidente da FCF, existe uma determinação muito forte da federação na organização do futebol feminino em Cabo Verde, por forma a competir em pé de igualdade com o futebol masculino.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Rádio Morabeza,24 out 2018 8:03

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  16 nov 2018 6:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.