"Agradam-nos as recentes decisões a nível dos transportes marítimo e aéreo" - Carlos Santos

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,12 mar 2019 7:54

Carlos Santos
Carlos Santos(Ministério das Finanças)

Os empresários consideram que “muito do diagnóstico dos constrangimentos” que impedem o sector privado de crescer começa a ser atendido, ao mesmo tempo que são apresentadas soluções para os problemas.

Carlos Santos, em representação do Conselho Superior das Câmaras de Comércio e Turismo, falava no acto de lançamento público da primeira edição do Cabo Verde Investment Fórum, na ilha do Sal.

“Agradam-nos, por exemplo, as recentes decisões a nível dos transportes marítimo e aéreo, como pilares essenciais para a unificação do mercado e recolocação de Cabo Verde na sua devida função, de um centro prestador de serviços no Atlântico”, referiu.

Promovido pelo Governo, em parceria com o Conselho Superior das Câmaras de Comércio e Turismo, a realização do Cabo Verde Investment Fórum, previsto para inícios do mês de Julho, surge na sequência da conferência internacional “Construindo novas parcerias para o desenvolvimento sustentável de Cabo Verde”, realizada no mês de Dezembro de 2018, em Paris.

“A realização do Cabo Verde Investment Fórum só pode merecer o nosso total engajamento e disponibilidade”, concretizou Carlos Santos.

A nível do turismo, o Conselho Superior das Câmaras de Comércio e Turismo continua a pedir ao Governo para uma “maior e melhor” atenção sobre a “excessiva concentração” do mercado turístico, a necessidade de qualificação do produto turístico e sobre a redefinição da estratégia na promoção e influenciação do produto dos mercados emissores, entre outros aspectos.

“Tudo em nome de um destino turístico consolidado, robusto e sustentável”, precisou.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,12 mar 2019 7:54

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  12 mar 2019 15:58

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.