Especialista recomenda uso da tecnologia Blockchain

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,19 jun 2019 11:08

Yousif Touza, CEO e co-fundador da Flype
Yousif Touza, CEO e co-fundador da Flype

O especialista sueco, Yousif Touza, sugeriu ao Governo e aos empresários cabo-verdianos a utilização do Blockchain, uma tecnologia digital associada às criptomoedas e bancos de dados.

Yousif Touza, CEO e co-fundador da Flype, a primeira plataforma de entregas internacionais com partilha de dados segura, esteve recentemente na Cidade da Praia, no âmbito da Social Media Summit Cabo Verde para falar de Blockchain.

O blockchain é uma tecnologia que pode ajudar a poupar custos e diminuir o tempo necessário para comunicação global.

Segundo Yousif Touza, em declarações à Inforpress, a Blockchain está a receber “muita publicidade” nos últimos anos por causa do potencial de interromper e alterar os sistemas bancários actuais, bem como muitos outros sectores.

“Blockchain, como o seu nome indica, é basicamente uma cadeia de Blocos que contém informações”. A aplicação é um livro distribuído, aberto a qualquer pessoa no mundo com acesso à Internet. Os dados são armazenados de uma forma quase impossível de alterar ou adulterar.

O CEO e co-fundador da Flype explica a ferramenta pode ser implementada em muitos sectores. 

“É simplesmente uma nova tecnologia que, se usada correctamente, pode afectar muitos processos, eliminando intermediários desnecessários e reduzindo muitos custos”, acrescentou.

Governos, como o dos Emirados Árabes Unidos, esatão a desenvolver sistemas baseados no Blockchain para as suas operações diárias e efectivar sistemas de pagamentos.

“Não vejo razão para o Governo cabo-verdiano ou os empresários do país não começarem a usar Blockchain”, disse Yousif Touza, reforçando que se está a falar de “ferramentas poderosas” que são usadas como meio de fornecer informações por pessoas de todo o mundo.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,19 jun 2019 11:08

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 jun 2019 9:21

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.