Cabo Verde Connect Services realiza primeiro voo Lisboa-Praia a 2 de Dezembro

PorExpresso das Ilhas,11 nov 2020 10:04

A Cabo Verde Connect Services anunciou que vai disponibilizar ao mercado nacional um conjunto de ligações aéreas que visam aumentar a conectividade do arquipélago a partir de 2 de Dezembro. Na fase inicial, a operação vai focar-se nas cidades Lisboa, Paris e Boston, onde residem as maiores comunidades cabo-verdianas.

Segundo o Publituris.pt, numa nota enviada à imprensa pela empresa de serviços especializados para o sector da aviação, que está ligada ao Grupo Newtour, a operação arranca a 2 de Dezembro e vai ser assegurada com aviões da Azores Airlines, tendo a Cabo Verde Connect Services já estabelecido um contrato para a realização da operação aérea com a companhia aérea do Grupo SATA.

Estes voos vão, segundo a Cabo Verde Connect Services, dinamizar a conectividade com as ilhas de Santiago, São Vicente e Sal, e vão estar disponíveis para reserva através dos GDS, com preços desde 182 euros por trajecto.

“O nosso objectivo enquanto Cabo Verde Connect Services é ser uma opção fiável, estratégica e de qualidade na conectividade aérea do arquipélago cabo-verdiano ao mundo”, destaca Mário Almeida, director geral da empresa, sublinhando que a Cabo Verde Connect Services acredita “no potencial das rotas” e no “sucesso” desta operação.

O primeiro voo da Cabo Verde Connect Services vai ter lugar a 2 de Dezembro, ligando Lisboa à Praia, em aviões A320/A321ER, com uma periodicidade semanal e horários que, segundo a empresa, “permitirão aos passageiros fazer o seu voo de conexão a outras ilhas do arquipélago”.

Em Agosto de 2019, a Cabo Verde Airlines iniciou a operação de feeding do hub do Sal com o ATR que recebeu em wet lease da Lease Fly. Na altura, numa entrevista ao Expresso das Ilhas, o Director Executivo da Lease Fly, José Madeira anunciou que a companhia aérea pretendia realizar ligações inter-ilhas e também a Dakar.

A ideia era criar uma empresa que, explorando o mesmo tipo de aparelhos, neste caso os ATR, desse continuidade a este trabalho iniciado com o wet lease.

Em Outubro do mesmo ano a Lease Fly criou a Cabo Verde Connect , prevendo uma redução de preços nos voos inter-ilhas.

A previsão era avançar, até ao início de 2020, com um processo para certificação da companhia aérea regional Cabo Verde Connect junto das autoridades nacionais, estimando a criação de 50 postos de trabalho qualificados.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,11 nov 2020 10:04

Editado porSara Almeida  em  12 nov 2020 12:18

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.