Inscrições na FIC 2021 superam expectativas

PorExpresso das Ilhas,9 nov 2021 10:22

Feira Internacional de Cabo Verde (FIC) e a Câmara de Comercio de Sotavento (CCS) vão apresentar nos dias 17 a 20 de Novembro a vigésima quarta edição (XXIV) da Feira Internacional de Cabo Verde, que terá lugar na Cidade da Praia, e que decorre com o lema: “Cabo Verde e as Oportunidades em tempos de crise”.

Em declarações à imprensa, na sede da CCS, cidade da Praia, esta segunda-feira, 08, a administradora delegada da FIC, Angélica Fortes, declarou que este ano o número das empresas inscritas é de 123, superando as expectativas.

Entre os inscritos estão, além das nacionais, empresas da Áustria, China, Espanha, EUA, Mauritânia, Portugal e Suíça.

66% das empresas inscritas são cabo-verdianas, 23% são empresas portuguesas, e 11% são dos restantes países referidos, acrescenta Angélica Fortes.

A administradora delegada da FIC disse que a organização da feira foi um desafio, no que se refere a convencer as empresas a inscrever-se, depois dos efeitos pandémicos, visto que tinham receio de que a feira pudesse não realizar-se, e qual seria a posição do governo neste sentido. Entretanto, esse desafio este que já foi ultrapassado e esclarecido, como mostra o número de empresas inscritas (123), reforça.

A Feira Internacional de Cabo Verde é multissectorial, e contará com a presença de todos os sectores da economia.

No que se refere às restrições sanitárias, Angélica Fortes, afirma que, com base no comunicado do governo sobre a saída de Cabo Verde do estado de Contingência, para o estado de Alerta, não haverá limite de entrada do número de pessoas na feira, mas serão seguidas todas as orientações sanitárias.

“Para ter acesso à feira os participantes devem cumprir com algumas regras, nomeadamente: apresentação do certificado da vacinação ou cartão da vacina, ou um teste rápido negativo, com pelo menos 48h de antecedência. Também será obrigatório o uso de máscara no espaço fechado da feira e também a higienização das mãos com álcool e gel”, explicou.

O Presidente do Conselho da Administração da FIC, Jorge Spencer Lima, realça que depois de uma paragem de quase dois anos, devido à pandemia e às dificuldades enfrentadas pelas empresas, este ano fez-se questão de realizar a feira, como indicação de volta à normalidade.

Spencer Lima disse que a realização da FIC é uma forma de ajudar as empresas a fazer intercâmbios com outras empresas, de vários sectores, com objectivo de retoma das actividades e reforço do posicionamento das empresas no mercado.

A feira Internacional contará com actividades temáticas, tais como: o simpósio Germânico Cabo- verdiano sobre eficiência energética, incluído energias renováveis; o processo de privatização da FIC; uma conferência sobre o sector privado nacional no contexto da pandemia, e, no dia 18, a comemoração da semana mundial de qualidade, sobre o tema “melhorando os nossos produtos, pessoas e planeta”, entre outros eventos que contarão com a presença dos membros do governo, entre outras entidades.

No encerramento da feira, no dia 20, será realizada a sétima edição do jantar de Gala, que terá lugar no pavilhão da FIC em Achada Grande Frente, no antigo aeroporto da Cidade da Praia, contando com a presença dos governantes, diplomatas, entidades oficiais, expositores, visitantes profissionais e público em geral. A gala será presidida pelo Presidente da República eleito, José Maria Neves.

De 17 a 20 de Novembro, a Feira Internacional de Cabo Verde estará aberta durante todos os dias das 17h às 20 h.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,9 nov 2021 10:22

Editado porAndre Amaral  em  10 nov 2021 8:05

pub.
pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.