​São Vicente acolhe apresentação da anteproposta do plano de acção nacional contra a pesca ilegal

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,17 set 2022 9:36

O ministro do Mar, Abraão Vicente, preside na segunda-feira a cerimónia da apresentação da primeira anteproposta do Plano de Accão Nacional contra a Pesca Ilegal, Não Declarada e Não Regulamentada, na sala de reuniões do Ministério do Mar.

De acordo com nota do Ministério do Mar, o Plano de Acção Internacional Para Prevenir, Impedir e Eliminar a Pesca Ilegal, Não Declarada e não Regulamentada (PAI-INN) foi adoptado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), em 2001.

Conforme o mesmo documento, é instrumento que analisa a natureza e as consequências da Pesca INN e estabelece os objectivos, os princípios e as medidas a adoptar para prevenir, impedir e eliminar a Pesca INN, devendo os estados elaborar os seus planos de acção nacionais espelhados nele.

“Considerando que já decorreram quase cinco anos após o termo da duração prevista para o Plano de Acção Nacional contra Pesca PAN-INN adoptado por Cabo Verde, em 2015, revela-se necessário adoptar uma estratégia de promoção da competitividade do sector da pesca, num quadro de garantia da sustentabilidade na exploração dos recursos, designadamente através do combate à pesca INN”, lê-se na nota.

Neste contexto, adiantou, tornou-se urgente e pertinente actualizar o plano que deverá vigorar no período de 2023 a 2026, dando continuidade e reforçando o compromisso de Cabo Verde na adopção de medidas estratégicas para prevenir, impedir e eliminar a Pesca INN e assegurar a aplicação efectiva, eficaz e coordenada das disposições do Plano de Acção Internacional de Luta contra a Pesca INN de 2001, garantindo o cumprimento de outros compromissos internacionais e regionais assumidos por Cabo Verde.

A anteproposta do PAN-INN 2023-2026 será apresentada por especialistas da Agência Europeia de Controlo das Pescas (EFCA) e discutida com dirigentes dos diferentes departamentos do Ministério do Mar com responsabilidades na definição de políticas para o sector da pesca.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,17 set 2022 9:36

Editado porFretson Rocha  em  19 set 2022 8:27

pub.
pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.