Microsoft defende Huawei e critica governo dos EUA

PorExpresso das Ilhas,9 set 2019 15:15

Microsoft é uma das empresas que mais tem a perder com a inclusão da tecnológica chinesa na lista negra do governo norte-americano.

Brad Smith, presidente da Microsoft, disse numa entrevista à Bloomberg que devia haver mais transparência por parte do governo dos EUA em relação à Huawei e que devia vir a público mostrar provas que demonstrem que a empresa chinesa é realmente a ameaça para a segurança nacional que as autoridades dos EUA dizem ser.

“Recebemos frequentemente como resposta ‘Bem, se soubessem o que sabemos, concordariam connosco’. E a nossa resposta é ‘Ótimo, mostrem-nos o que sabem para que possamos decidir por nós próprios’. É assim que este país funciona”, apontou Smith.

A Huawei é um dos grandes parceiros da Microsoft, dado que a empresa chinesa integra o sistema operativo Windows nos seus computadores portáteis. A par da Google (com o seu Android), a Microsoft foi considerada uma das principais prejudicadas pela decisão da administração Trump de incluir a Huawei na sua ‘lista negra’.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,9 set 2019 15:15

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  15 set 2019 19:19

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.