NASA confirma a existência de água na Lua

PorExpresso das Ilhas,31 out 2020 16:31

Imagem da cratera Ryder feita pela sonda LRO da NASA
Imagem da cratera Ryder feita pela sonda LRO da NASA

Novas observações indicam que o satélite da Terra tem grandes reservas de gelo que poderiam ser essenciais para missões tripuladas

A Agência Espacial Americana divulgou dois estudos que demonstram a presença de água na Lua, tanto em regiões escuras e frias quanto nas iluminadas e muito quentes.

A Lua não tem uma atmosfera que a isole dos raios do sol. E por muito tempo se acreditou que a superfície fosse completamente seca.

Em 2009, uma sonda encontrou indícios de gelo em crateras grandes perto dos polos, regiões escuras onde o sol não bate.

De acordo com globo.com, a descoberta anunciada nesta segunda-feira (26) foi feita pelo Sofia, um telescópio adaptado a um Boeing 747 que voa na estratosfera. O Sofia detectou moléculas de água numa cratera na região que recebe luz solar e onde as temperaturas podem passar dos 100° C.

Outro estudo mostrou que a área que pode ter água, na parte não iluminada da Lua, é muito maior do que se sabia.

A Nasa e a agência espacial chinesa já anunciaram interesse em explorar o Polo Sul lunar. A água poderia ser tratada e usada para beber. Ou seus elementos separados: o hidrogénio e o oxigénio.

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 987 de 28 de Outubro de 2020. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,31 out 2020 16:31

Editado pormaria Fortes  em  24 nov 2020 10:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.