​Vacinas contra o cancro podem chegar “antes de 2030”, dizem fundadores da BioNTech

PorExpresso das Ilhas,23 out 2022 7:39

Os fundadores da BioNTech, Özlem Türeci e Uğur Şahin
Os fundadores da BioNTech, Özlem Türeci e Uğur Şahin

Os fundadores da empresa alemã BioNTech acreditam que as vacinas contra o cancro podem chegar ainda antes de 2030.

Uğur Şahin e Özlem Türeci acreditam que as vacinas contra o cancro podem chegar “antes de 2030”. O casal de alemães de origem turca é fundador da BioNTech, empresa alemã que juntamente com a Pfizer desenvolveu uma das principais vacinas contra a covid-19. 

As declarações, citadas pelo The Guardian, foram feitas durante o programa Sunday Morning, com Laura Kuenssberg, na BBC. O casal adiantou que a empresa fez avanços que alimentaram o seu optimismo em relação às vacinas contra o cancro nos próximos anos. 

A BioNTech tem vários testes a decorrer, incluindo um em que os pacientes recebem uma vacina personalizada, que estimula o seu sistema imunitário a atacar a doença. Em causa estão as vacinas de ARN mensageiro, também conhecidas como mRNA. 

“O mRNA age como modelo e permite dizer ao corpo para produzir o medicamento […] neste caso, antigénios do cancro que distinguem as células cancerígenas das células normais”, explicou Türeci, citado pelo site zap. aeiou.pt.

Texto publicado originalmente na edição nº1090 do Expresso das Ilhas de 19 de Outubro

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,23 out 2022 7:39

Editado pormaria Fortes  em  23 out 2022 7:39

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.