“Zero Waste Cabo Verde” pretende ser um ponto de referência a nível nacional para sustentabilidade ambiental

PorExpresso das Ilhas,17 mar 2021 16:35

Nadira, Leila e Helena, as fundadoras do Zero Waste Cabo Verde
Nadira, Leila e Helena, as fundadoras do Zero Waste Cabo Verde

Nasceu uma nova iniciativa cidadã em Cabo Verde que pretende ser um ponto de referência a nível nacional para questões relacionadas com resíduos, consumo, sustentabilidade e ambiente, a “Zero Waste Cabo Verde”.

Segundo uma nota de imprensa, numa primeira fase a “Zero Waste Cabo Verde” actuará como um local de informação e sensibilização sobre estas temáticas, procurando mostrar de forma simples e fidedigna, os problemas, soluções e boas práticas para uma vida em comunhão com o planeta.

Para as mentoras, Nadira Delgado, Leila Teixeira e Helena Moscoso, a iniciativa nasce numa fase em que as problemáticas relacionadas com lixo e resíduos no país são preocupantes, não só pelas questões ambientais e de saúde pública que daí podem advir, mas especialmente pelo facto de este lixo ir, invariavelmente, parar ao mar.

“Os ecossistemas marinhos e terrestres estão a sofrer grandes pressões pela grande quantidade de resíduos gerada actualmente a nível mundial e faz falta começar, de forma consertada, a sensibilizar a população para estas questões”, refere.

O principal objectivo desta iniciativa é gerar conhecimento e promover mudanças de comportamento por parte dos cidadãos nacionais e dos turistas que todos os anos visitam a ilha.

O trabalho pode ser acompanhado através da página de Facebook e espera-se que, em breve, seja possível começar as acções de sensibilização junto das escolas e das comunidades, assim como a criação formal de uma associação.

As mentoras esperam ainda conseguir realizar parcerias estratégicas com entidades chave do país.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,17 mar 2021 16:35

Editado porAndre Amaral  em  17 mar 2021 16:36

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.