Wrangler da Jeep é o pior todo o terreno nos testes de segurança

PorExpresso das Ilhas,6 dez 2018 9:11

O Euro NCAP - European New Car Assessment Programme -, entidade independente europeia que promove testes de segurança a automóveis -, anunciou os mais recentes ‘crashtests’ e respectivas classificações, de nove automóveis.

Audi Q3, BMW X5, Hyundai Santa Fé, Jaguar I-Pace, Peugeot 508, Volvo V60 e S60, obtiveram classificação máxima de cinco estrelas. No entanto, o Jeep Wrangler e o Fiat Panda, tiveram resultados bastante negativos, de apenas uma estrela no caso da nova geração do modelo da marca norte-americana, e de zero estrelas, no citadino italiano.

Michiel van Ratingen, do Euro NCAP, afirmou sobre o desempenho do Wrangler. “É verdadeiramente decepcionante ver um carro novinho em folha sem sistema de travagem autónoma e alerta de transposição involuntária de faixa de rodagem. Já é hora de vermos um produto do Grupo Fiat-Chrysler que ofereça segurança para competir com seus concorrentes”.

Mas até mesmo alguns veículos de cinco estrelas tiveram problemas. Os testes do novo Hyundai Santa Fe identificaram um defeito, em que os airbags de cortina dos veículos com teto panorâmico poderiam rasgar-se. Em resposta, a Hyundai já mudou os suportes daquele airbag na linha de montagem e os primeiros modelos produzidos estão a ser submetidos a recolha.

O BMW X5 também revelou problemas no airbag para os joelhos do condutor, que não funcionava correctamente no teste de colisão frontal e garantia escassa proteção aos membros inferiores. Um defeito semelhante foi reportado ao BMW Série 5 em 2017.

Michiel van Ratingen comentou: “Apesar do trabalho feito pelos fabricantes durante o desenvolvimento de seus veículos, o Euro NCAP ainda vê falta de robustez em algumas áreas básicas de segurança. Para ser justo, o Audi Q3, o Jaguar I-Pace, o Peugeot 508 e o Volvo V60/S60 estabeleceram um padrão elevado e outros fabricantes poderiam fazer bem em seguir o seu exemplo. O I-Pace, especialmente, demonstra que os futuros veículos serão bons para o meio ambiente, mas também proporcionam altos níveis de segurança”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,6 dez 2018 9:11

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  6 dez 2018 9:11

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.