Procurador-geral dos Estados Unidos demite-se "a pedido" de Trump

PorExpresso das Ilhas, Lusa,8 nov 2018 8:30

Jeff Sessions entregou a carta de demissão a Donald Trump.

O procurador-geral dos Estados Unidos, Jeff Sessions, demitiu-se. A informação está a ser avançada pela Associated Press. Sessions entregou a carta de demissão a Donald Trump, na qual refere que se demite "a pedido" do presidente. Segundo a AP, Matthew Whitaker, chefe de gabinete de Jeff Sessions, vai assumir o cargo de procurador-geral norte-americano de forma interina.

No Twitter, Donald Trump mostrou confiança no trabalho de Whitaker. "Ele vai servir bem o nosso país", escreveu. Agradeceu a Sessions pelo seu trabalho e anunciou que o seu substituto permanente será nomeado numa "data posterior".

Durante a conferência de imprensa na tarde desta quarta-feira que serviu para o presidente comentar os resultados das eleições intercalares, Trump não respondeu a uma pergunta sobre Jeff Sessions, optando por dizer que, de uma forma geral, estava "extremamente" satisfeito com a sua equipa.

A demissão de Jeff Sessions surge depois de mais de um ano de críticas e ataques pessoais por parte de Trump. O Chefe de Estado não perdoou Sessions por ter recusado ficar responsável pela investigação à ingerência russa nas eleições presidenciais de 2016, o que abriu a porta para que Robert Mueller fosse apontado como procurador-especial e ficasse encarregue dessa investigação.

Para já não ficou esclarecido as implicações desta decisão relativamente à investigação conduzida por Mueller.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,8 nov 2018 8:30

Editado porAndre Amaral  em  16 nov 2018 6:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.