​Covid-19: 40 novos casos e 1 óbito. Ultrapassada a barreira das 11 mil infecções

Ilha de Gorée rebaptiza praça em memória do racismo no mundo

PorExpresso das Ilhas, Lusa,28 jun 2020 16:50

Ilha de Gorée, Senegal
Ilha de Gorée, Senegal

​A ilha de Gorée, um símbolo do comércio de escravos de Dacar, decidiu renomear a sua praça da Europa em praça da Liberdade, perante a persistência de atos racistas no mundo, anunciou hoje o município senegalês.

O conselho municipal daquela ilha do Senegal aprovou no sábado, por unanimidade, uma deliberação para renomear o local como a “Praça da Liberdade e Dignidade Humana”, explicou o autarca, Augustin Senghor, através de um comunicado de imprensa, noticia a agência AFP.

Gorée é um lugar de memória do comércio de escravos na costa africana, integrando a lista dos locais Património Mundial da UNESCO, como ‘símbolo da exploração humana’.

A medida não foi tomada contra a Europa, “longe disso”, realçou à AFP o chefe de gabinete do presidente da Câmara, Mamadu Adama Diop.

Segundo a mesma fonte, a União Europeia “sempre apoiou Gorée” e “há europeus de dupla nacionalidade no conselho municipal”.

A iniciativa agora tomada é uma resposta à “onda de violência racial que a comunidade negra e afro-descendente é regularmente vítima”.

A recente morte do afro-americano George Floyd, no Estados Unidos, asfixiado por um polícia branco quando estava a ser detido, é um dos exemplos, acrescenta o comunicado de imprensa.

Gorée pretende estar “na vanguarda da luta pela erradicação total de todas as formas de racismo, especialmente as dirigidas contra os negros, tal como é a sua vocação enquanto local de memória”.

A inauguração da renomeação da praça será seguida de uma homenagem a George Floyd e às vítimas de crimes raciais, com a ajuda de artistas senegaleses, disse ainda o município.

A data ainda não está definida. O acesso à ilha de 28 hectares, a poucos quilómetros de Dacar, está actualmente restrito devido à pandemia de covid-19.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,28 jun 2020 16:50

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  4 dez 2020 23:21

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.