Cabo Verde avalia plano de prevenção de infecções transmissíveis pelo sangue

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,30 mai 2018 12:26

Avaliar as medidas implementadas em Cabo Verde para prevenção da transmissão de infecções através da transfusão é a finalidade do atelier sobre o “Impacto das Arboviroses na transfusão sanguínea” que decorre hoje, na cidade da Praia.

A responsável do Programa Nacional Transfusional, em entrevista à Radio Morabeza, diz que o país tem de estar preparado para se defender das várias ameaças que vão aparecendo ao longo do tempo.

“A partir de momento em que  temos o vector, ou seja, o mosquito há sempre o risco de alguém trazer o vírus e poder espalha-lo pelo o país. Não podemos estar à espera que isso aconteça para tomar medidas. Temos que saber o que é que está a acontecer a nível mundial em relação ao zika e outros arboviroses para saber o que está a acontecer nos países que vão tendo surtos”, explica.

Conceição Pinto diz que Cabo Verde, é porta de entrada para passageiros que chegam de vários países do mundo, motivo pelo qual existe sempre o risco de aparecimento de agentes infecciosos.

Entre finais de 2015, e meados de 2016, Cabo Verde registou uma epidemia de zika, com mais de 7.500 casos suspeitos e com 15 casos de síndrome congénita do vírus zika.

O atelier sobre o “Impacto das Arboviroses na transfusão sanguínea” é organizado pelo Ministério da Saúde e Segurança Social e pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em Cabo Verde. Participam do evento delegados de saúde, directores hospitalares, médicos, enfermeiros, e técnicos dos bancos de sangue.

O acto da abertura contou com a presença do representante da OMS em Cabo Verde, Mariano Castellon Salazar, e da Directora Nacional de Saúde, Maria de Luz Lima.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,30 mai 2018 12:26

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  30 mai 2018 12:26

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.