"Koletivu Nhanha Bongolon" promove seminário para discutir questões raciais

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,20 jun 2019 7:23

​O “Koletivu Nhanha Bongolon” promove, de 26 a 29 de Junho, na Praia, a segunda edição do Seminário Internacional Tecendo Redes Antirracistas – Áfricas, Brasis e Portugal, um evento que visa debater as questões raciais que envolvem os países de colonização portuguesa.

Redy Lima, membro da rede, explica que a ideia da realização do seminário surgiu em 2017, quando um grupo de activistas sociais e pesquisadores decidiu criar uma rede internacional para a promoção de debates e encontro de reflexão sobre os temas ligados ao racismo e colonialismo.

“A primeira edição decorreu em Brasil e contou com a participação de Brasil, Portugal Cabo Verde e Guiné-Bissau. Este ano estamos a promover a segunda edição em Cabo Verde, cujo primeiro dia será marcado pelo lançamento do livro e no segundo e terceiro dias teremos cinco painéis e duas conferências na Universidade de Cabo Verde”, indicou.

Conforme explicou, a África e o Brasil estão no plural por entenderem que “não existe uma única África”, mas sim um continente diverso, e um Brasil que na sua essência é um país com diversidade, referindo que Portugal, pela sua “unidade”, ficou com a denominação no singular.

A organização pretende com a segunda edição do Seminário Internacional Tecendo Redes Antirracistas – Áfricas, Brasis e Portugal criar uma plataforma de reflexão e de luta contra o racismo.

“Queremos com o evento discutir temas que não são abordados em Cabo Verde, nomeadamente a questão racial, que ainda é um tabu na nossa sociedade. Perspectivamos com este evento mostrar que é possível fazer a produção de pesquisas fora do ambiente universitário”, realçou.

O Seminário Internacional Tecendo Redes Antirracistas – Áfricas, Brasis e Portugal é promovido pelo “Koletivu Nhanha Bongolon”, em parceria com o Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares da Universidade de Brasília, Centro de Estudos Amílcar Cabral de Guiné-Bissau e Fundação Amílcar Cabral.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,20 jun 2019 7:23

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 jun 2019 9:54

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.