​Carnaval de Verão: Atingir a excelência para fomentar o turismo

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,4 jul 2018 7:20

A edição deste ano do Carnaval de Verão, em São Vicente, acontece a 7 de Agosto. À semelhança do ano passado, antes do desfile na Rua de Lisboa, os grupos oficiais passam por uma formação intensiva de uma semana, coordenada por uma comitiva brasileira, este ano dirigida por Wellington Batista, empresário do músico Dudu Nobre.

Segundo o vereador da Câmara Municipal de São Vicente, Rodrigo Martins, que falava terça-feira em conferência de imprensa no Mindelo, o objectivo é apostar na melhoria da qualidade do evento, que é um dos principais produtos turísticos da ilha.

“São Vicente é uma ilha com uma aposta muito forte no turismo cultural e obviamente que nós queremos um turismo cultural com alto valor acrescentado, e isso implica investimento. Investimento, principalmente na formação para cada vez mais ter uma estruturação do nosso Carnaval como produto turístico pautado sempre por qualidade. É o objectivo e acho que isso também é o desidrato dos diferentes grupos – apostar cada vez mais na qualidade, de modo a fomentar o nosso turismo e dinamizar a economia cultural da ilha”, explica.

Wellington Batista, coordenador da equipa brasileira de mais de 40 pessoas, explica que a ideia não é impor uma mudança cultural, mas sim fortalecer e procurar a excelência da festa do Rei Momo.

“Temos que trabalhar no incentivo do turismo, fortificando o carnaval no meio do ano e trazer os europeus para passar as férias aqui em Cabo Verde. E com tudo isso fazendo a troca entre profissionais de Cabo Verde e do Rio de Janeiro, Brasil. A nossa intenção não é impor nenhuma mudança cultural, mas sim trabalhar a estrutura do carnaval, o que pode ser melhorado, sempre fortalecendo todas as raízes do carnaval cabo-verdiano”, afirma.

Este ano, as acções de formação iniciam-se no dia 30 de Julho e decorrem até à data do desfile. As oficinas de aramagem e plumagem são as novidades deste ano, juntando-se às do ano anterior, nomeadamente de bateria, mestre-sala, porta-bandeira, passistas, rainha de bateria, construção de enredo, comissão de frente, entre outros.

Wellington Batista explica que no final vão ser preparados materiais de marketing para divulgar o Carnaval Mindelense no Brasil e na Europa, a fim de fortalecer o próximo Carnaval de verão e atrair cada vez mais turistas para a ilha.

“Vamos ter material, nomeadamente filmagem e fotografia. A intenção é criar um site oficial do Carnaval de Verão, e vamos começar a mandar material para a imprensa, inserir nas revistas das companhias aéreas, revista de turismo, vamos começar a intensificar esse material de marketing para que tenhamos uma resposta positiva de público em 2019”, refere.

No Carnaval de Verão participam os grupos Monte Sossego, Samba Tropical, Vindos do Oriente, Cruzeiros do Norte e Flores de Mindelo. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,4 jul 2018 7:20

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.