Recomendação para ouvir: António Sanches – ecos de um Funaná.

PorPaulo Lobo Linhares,15 jul 2018 10:57

​Pouco depois de Katchás ter trazido o Funaná embrulhado em vestes novas para os palcos de Santiago, fora do país os nossos emigrantes atentos ao que se passava por cá, também davam continuidade às ideias do maestro.

Assim, vários foram os seguidores da ideia original de Katchás, fazendo com que aparecessem grupos onde eram notórias características instrumentais comuns.

Aparecia assim uma nova onda musical, onde o instrumental era marcado pelos trabalhos de Paulino Vieira (e seus “seguidores”). Os sintetizadores eram a linha que guiava a sonoridade, à qual também se juntava o uso marcado dos pedais das guitarras, e toda uma série de efeitos de estúdio.

Nos últimos anos estes discos têm sido bastante procurados internacionalmente, muito por “culpa” dos coleccionadores de discos vinil, e pela compilação lançada pela editora Analog Africa – “Space Echo”.

Dentro da referida onda musical, em 1984 foi lançado por António Sanches o álbum “Duli Povo”.

Sanches fazia parte do tal grupo de músicos-emigrantes, responsáveis pela gravação de uma série de álbuns na diáspora (principalmente Holanda e Portugal) e que viriam a marcar a música cabo-verdiana. Foram na sua maioria gravados para labels importantes e incontornáveis para o entendimento dos caminhos da nossa música. Como exemplos: a pioneira Morabeza Records, na Holanda, ou a Monte Cara Discos, entre outras.

“Duli Povo” teve direcção musical de Paulino Vieira, onde os sons espaciais dos sintetizadores típicos das décadas de 80 e parte de 90 suportam uma voz extremamente crua, que rasga pela sua força transportando-nos para um Santiago profundo.

Temas como “Desgraçada” ou “Buli Povo” foram êxitos. Realce absoluto para dois aspectos/momentos sublimes deste disco: o hipnótico-batuko “Pinta Manta” e acima de tudo a completa actualidade deste álbum.

A label Analog Africa uma vez mais esteve atenta às pérolas da música de Cabo Verde e acaba de lançar a reedição do álbum.

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 867 de 11 de Julho de 2018.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Paulo Lobo Linhares,15 jul 2018 10:57

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  15 jul 2018 10:57

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.