​Neno apadrinha 11.ª edição da Corrida da Liberdade

PorExpresso das Ilhas, Lusa,28 dez 2018 14:48

Neno
Neno

O antigo futebolista português de origem cabo-verdiana, Neno, vai apadrinhar a 11.ª edição da Corrida da Liberdade, a 13 de Janeiro em Cabo Verde, anunciou hoje a organização, prevendo a participação de mais de cinco mil pessoas em todas as actividades.

Em conferência de imprensa, o presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, realçou que a presença do antigo guarda-redes vai "dar mais prestígio" à prova que assinala a data das primeiras eleições multipartidárias em Cabo Verde, em 1991.

Adelino Augusto Graça Barbosa Barros, mais conhecido por Neno, nasceu na cidade da Praia a 27 de Janeiro de 1962, mas representou a selecção portuguesa e clubes como Benfica, Vitória de Guimarães, Vitória de Setúbal e Barreirense.

Instituída em 2009, a prova já levou à capital figuras do mundo desportivo como o já falecido Eusébio, o actual presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, o ex-futebolista angolano Pedro Mantorras, o judoca Nuno Delgado, as atletas Fernanda Ribeiro e Rosa Mota.

No ano passado, marcaram presença José Augusto, António Simões e Hilário, elementos da selecção portuguesa que conquistou a medalha de bronze no Mundial de futebol de 1966, e António Veloso, antigo jogador do Benfica.

Para o vereador do Desporto da Câmara da Praia, José Eduardo dos Santos, a presença de personalidades internacionais traz "ganhos enormes" à corrida, sendo uma forma de o cidadão comum estar próximo de figuras que fazem parte do imaginário e que são ídolos no país.

"Independentemente das modalidades, temos procurado trazer pessoas de vários quadrantes, seja do desporto, da política, da cultura", afirmou José Eduardo dos Santos.

A prova principal é a meia maratona para atletas profissionais - masculino e feminino - que tem partida no Plateau, centro histórico da cidade da Praia, e meta no largo do Estádio da Várzea.

A corrida terá apoio técnico de uma equipa portuguesa na cronometragem oficial, permitindo que todos os participantes acedam ao vídeo e ao tempo logo que cortarem a meta e emitir o certificado de participação, via online, cerca de 10 minutos depois de cortar a meta.

"Tecnicamente é um grande avanço para a corrida", salientou o vereador do Desporto.

Haverá ainda uma corrida de 10 quilómetros para atletas não profissionais, corrida de jovens dedicadas às escolas do ensino básico e secundário da ilha de Santiago e uma marcha de quatro quilómetros para crianças e idosos, onde se espera a participação massiva das pessoas.

A Câmara Municipal da Praia, organizadora do evento, espera a presença de mais de cinco mil pessoas em todas as actividades e cerca de 450 atletas nas provas premiadas.

A Corrida da Liberdade está orçada em 10 milhões de escudos, e um milhão de escudos serão distribuídos em prémios.

As inscrições poderão ser feitas online, em todos os serviços da Câmara Municipal da Praia, nas lojas do patrocinador oficial e na Federação Cabo-verdiana de Atletismo (FCA), a responsável técnica do evento.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,28 dez 2018 14:48

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  22 ago 2019 23:22

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.