Transporte de carga por via aérea cai 45,5%

PorAndre Amaral,30 mai 2018 10:33

À quebra não será alheio o facto de a TACV ter terminado as ligações internacionais com algumas ilhas como São Vicente. Em termos absolutos, no primeiro trimestre de 2018 registaram-se movimentos de 345.896 toneladas de cargas, correspondendo a 288.516 toneladas de cargas a menos em relação ao igual período do ano 2017, avança o INE.

O transporte aéreo de mercadorias sofreu uma quebra de 45,5% e o de correio diminuiu 6,8%, aponta hoje o INE no seu relatório sobre as Estatísticas de Transportes relativo ao primeiro trimestre deste ano.

Aponta o documento que a “movimentação de cargas embarcadas diminuiu 57,6% e a movimentação de cargas desembarcadas diminuiu 37,8%, em relação ao igual período do ano 2017”.

Em termos absolutos, no período em análise, foram registados, nos aeroportos e aeródromos nacionais, “movimentos de 104.384 toneladas de cargas embarcadas (142.040 toneladas a menos do que em igual período 2017) e 241.512 toneladas de cargas desembarcadas (146.476 toneladas de cargas desembarcadas a menos do que em igual período 2017)”.

Também no que respeita à circulação de correios o INE nota uma diminuição, ainda que menos expressiva. Um decréscimo de 6,8% em relação ao igual período do ano 2017.

“Em termos absolutos, no primeiro trimestre de 2018, registaram-se, movimentos de 105.385 toneladas de correios, 7.660 toneladas de correios a menos do que no período homólogo”, aponta o documento.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,30 mai 2018 10:33

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  31 mai 2018 9:33

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.