Inflação desce 1% entre Julho e Agosto

PorExpresso das Ilhas,14 set 2018 9:24

Instituto Nacional de Estatística revelou hoje os números do Índice de Preços no Consumidor relativos ao mês de Agosto.

O valor da inflação diminuiu 1% relativamente a Julho deste ano e 0,3% em comparação com Agosto do ano passado, revelou hoje o INE.

Em termos homólogos, a taxa de variação homóloga do IPC situou-se em 1,0% em Agosto de 2018. As variações positivas mais significativas, segundo o INE, "ocorreram nas classes dos Transportes (+8,2%), das Rendas de habitação, água, electricidade, gás e outros combustíveis (+3,2%), da Saúde (+2,3%), do Ensino e dos Bens e serviços diversos (ambas +2,2%), dos Acessórios, equipamento doméstico e manutenção corrente da habitação (+1,9%), do Lazer, recreação e cultura (+1,8%), das Bebidas alcoólicas e tabaco e dos Hotéis, restaurantes, cafés e similares (ambas +1,5%). Por outro lado, as variações negativas foram observadas nas classes dos Produtos alimentares e bebidas não alcoólicas (-1,5%) e dos Vestuário e calçado (-1,6%)".

Já a nível mensal, em Agosto de 2018, "o IPC registou uma taxa de variação mensal de -0,3% (0,4% no mês anterior e 0,7% em Agosto de 2017). As classes com maiores contributos negativos para a variação mensal do índice total foram as dos Acessórios, equipamento doméstico e manutenção corrente da habitação, dos Transportes e dos Bens e serviços diversos (ambas -0,1%), do Ensino (-0,3%), dos Produtos alimenta- res e bebidas não alcoólicas (-0,5%) e dos Vestuário e calçado (-1,6%). Por outro lado, as classes com maiores contributos positivas para a taxa de variação mensal foram as das Rendas de habitação, água, electricidade, gás e outros combustíveis (+0,2%), da Saúde e dos Hotéis, restaurantes cafés e similares (ambas +0,1%)".

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,14 set 2018 9:24

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  22 set 2018 8:19

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.