​Portos nacionais com aumentos em todos os segmentos de mercado em 2018

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,17 jan 2019 15:37

1

Os portos nacionais registaram um crescimento de 12,6% no tráfego de mercadorias em 2018. No mesmo sentido, seguiram todos os outros segmentos de mercado, com bons resultados financeiros, comerciais e operacionais, avançou hoje a ENAPOR em comunicado.

De acordo com a autoridade portuária nacional, no ano passado registou-se um “aumento robusto” de 109% nas escalas de navios cruzeiros, 199 escalas, e um acréscimo de 23,9% de passageiros, o equivalente a 47.099 turistas. Dados que a ENAPOR considera que reforçam a aposta de promoção de Cabo Verde como um emergente destino de cruzeiros.

Na mesma tendência, segundo a mesma fonte, o tráfego de mercadorias bateu um novo recorde, ao registar um movimento de 2.595.933 toneladas, um aumento de 12,6% em relação ao ano anterior. Também o movimento de navios atingiu 7.941 escalas e cresceu 8,7%, realçando um eloquente aumento do tráfego de longo curso em 1.668 escalas, o equivalente a 25,3%.

No que diz respeito ao transbordo de pescado, um dos principais segmentos do negócio portuário, o aumento foi de 13,3% em escalas de navios. O número representa uma movimentação de cerca de 35.655 toneladas, um acréscimo de 7.219 toneladas em relação ao ano de 2017.

No sentido ascendente esteve o tráfico de contentores, com uma movimentação de 86.059 TEU ́S, correspondendo a um aumento de 13,9%.

“O exercício económico de 2018 foi muito positivo para os Portos de Cabo Verde, onde se registou bons resultados financeiros, comerciais e operacionais. Em 2018 todos os segmentos do mercado portuário cresceram de forma sustentável, com destaque para o expressivo aumento de mercadorias movimentadas e o tráfego de cruzeiros”, avança a ENAPOR.

“Em 2019, os Portos de Cabo Verde continuarão firmes na sua nobre missão de garantir a coesão territorial, a promover a circulação de pessoas e bens e a contribuir para o desenvolvimento da economia nacional”, conclui.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,17 jan 2019 15:37

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 ago 2019 23:22

1

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.