Número de hóspedes aumenta 308,4% no segundo trimestre de 2021

PorSheilla Ribeiro,10 set 2021 9:57

Os dados revelados hoje pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) mostram que o sector hoteleiro registou mais de 21 mil hóspedes, correspondendo a um aumento de 308,4% face ao trimestre homólogo. Portugal foi o principal país de proveniência de turistas e os turistas do Reino Unido foram os que permaneceram mais tempo com uma estadia média de 6,6 noites.

As dormidas atingiram 87.719 no período em análise, traduzindo-se numa variação positiva de 614,4%, em relação ao trimestre homólogo.

De acordo com o INE, a análise por tipo de estabelecimentos, revela que os hotéis continuam sendo os estabelecimentos hoteleiros mais procurados, representando 86,9 % do total das entradas.

Seguem-se-lhes as pensões com 5,8% e os hotéis-apartamentos com 1,5%. Relativamente às dormidas, os hotéis representam 90,7%, as pensões com 3,9%, as residenciais com 3,5% e os hotéis-apartamentos com 1,0%.

A Ilha do Sal, passou a ter maior acolhimento, com 51,2% do total das entradas, seguida da ilha de Santiago, com 33,2% e Restantes Ilhas com 11,9%.

Em relação às dormidas, a ordem é a mesma, Sal com 74,3%, Santiago com 15,4% e restantes ilhas, com 6,9%.

Os dados revelam ainda que a ilha da Boa Vista passou a ocupar o último lugar, representando apenas 0,9% de entradas 0,7% de dormidas.

O principal mercado emissor de turistas foi Portugal com 16,4% do total das entradas. A seguir vêm, Estados Unidos, França e estrangeiros residentes em Cabo Verde, responsáveis por, respectivamente, 5,1%, 4,8% e 4,1%, do total das entradas.

Relativamente às dormidas, Portugal continua a ocupar o primeiro lugar, com 16,9% do total, seguido de França com 5,1%, Estados Unidos e Países Baixos, com iguais percentagens 2,6%.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,10 set 2021 9:57

Editado porAndre Amaral  em  11 set 2021 10:01

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.