Edição 855 – 18 de Abril

PorExpresso das Ilhas,18 abr 2018 2:11

Nesta edição, o Expresso das Ilhas dá destaque à entrevista com Pedro Lopes: Enquanto os outros dormem, nós temos de correr.

O Secretário de Estado Adjunto para a Inovação e Formação Profissional, foi o nome por trás do primeiro TEDx em Cabo Verde e é um dos rostos agora do CVNEXT, um encontro nacional da Ciência, Tecnologia e Inovação, que vai decorrer sexta e sábado na Cidade Velha. O evento, que se pretende anual, servirá para apoiar e fortalecer o ecossistema de inovação e conectar as pessoas a partir de Cabo Verde e no exterior. Nas palavras do governo, acredita-se na colaboração, na impulsividade e, acima de tudo, no impacto. E pretende-se criar uma comunidade de milhares de pessoas inteligentes, curiosas e criativas. Pedro Lopes falou com o Expresso das Ilhas, para explicar esta visão e como se chega lá.

Também neste número, a indústria alimentar: Sociave obtém certificação de qualidade e pisca o olho aos grandes hotéis. Depois de quatro anos de trabalho e investimento, a empresa alimentar, sedeada em São Vicente, foi bem-sucedida num processo que, assim espera o administrador João Santos, permitirá abrir novas portas, nomeadamente no sector turístico.

Ainda o abuso sexual de menores: PJ registou 68 queixas nos primeiros três meses do ano. A nível nacional, o Ministério Público tem em mãos mais de 500 casos de abuso sexual de crianças. Conselho Superior de Magistratura Judicial nega que estes casos são tratados de forma ligeira.

Relatório BCV: Contexto internacional beneficiou economia de Cabo Verde. Segundo o documento, a recuperação das economias dos países parceiros de Cabo Verde teve um impacto positivo na evolução da economia nacional durante o ano passado.

Dependência electrónica: Entre o vício e a necessidade de sobreviver na era tecnológica. Por detrás da necessidade de estar conectado à Internet alimenta-se a dependência dos dispositivos móveis, com consequências negativas não só para a saúde, mas também para os relacionamentos sociais, profissionais e interpessoais. Poucos admitem a dependência, até acham normal passarem grande parte do tempo no espaço virtual, publicando selfies, comentários, memes, em troca de pequenos prazeres psicológicos com os likes, views, ‘corações’, nas redes sociais. Não se consideram viciados, mas dizem-se incapazes de estar sem os aparelhos ligados à rede.

Na cultura, AME 2018: O regresso do mercado da música transatlântica. Evento que traz artistas, jornalistas e produtores musicais de todo o mundo decorre no centro histórico da Praia. E que vai movimentar a capital cabo-verdiana, com conferências, workshops, One to one meetings, showcases, daycases e a já emblemática feira, onde também marcam presença os municípios.

No interior, a opinião de Ondina Ferreira, A oralidade da língua portuguesa em Cabo Verde; e de Adriana Carvalho, Dia do Professor/Dia de Baltasar. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,18 abr 2018 2:11

Editado porDulcina Mendes  em  18 abr 2018 15:46

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.