África com mais 449 mortes e 21.296 infectados em 24 horas

PorExpresso das Ilhas, Lusa,20 dez 2020 11:04

África registou mais 449 mortes devido à covid-19 e somou mais 21.296 novos casos nas últimas 24 horas, atingindo um total de 58.762 óbitos desde o início da pandemia, segundo dados oficiais.

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o continente africano regista agora um total de 2.490.397 pessoas infectadas desde o início da pandemia nos 55 Estados-membros da União Africana.

O número de recuperados nas últimas 24 horas foi de 11.147 para um total de 2.094.336.

A África Austral é, entre as cinco regiões africanas, a mais afetada, com 1.024.635 e atingido as 26.334 mortes registadas. Nesta região, a África do Sul, o país mais atingido pela covid-19 no continente, contabiliza hoje um total de 912.477 infecções e de 24.285 mortes.

O Norte de África é a segunda zona mais afetada pela pandemia, com 860.129 casos de infecção e 22.385 vítimas mortais.

A África Oriental regista 308.090 infecções e 5.735 mortos, na África Ocidental o número de infecções é de 227.032 e o de mortes registadas ascende às 3.049, enquanto a África Central regista 70.511 casos e 1.247 óbitos, apenas mais quatro do que os registados sábado.

O Egicto, que é o segundo país africano com mais vítimas mortais, a seguir à África do Sul, regista 7.069 mortos e 124.891 infectados, seguindo-se Marrocos, que contabiliza 6.909 vítimas mortais e 415.226 infectados, valor três vezes superior ao do Egito.

Entre os seis países mais afectados estão também a Tunísia, com 4.126 mortes e 119.151 infectados, a Argélia, com 2.659 óbitos e 94.781 casos, a Etiópia, com 1.846 vítimas mortais e 119.494 casos, e o Quénia, com 1.633 óbitos e 94.151 infectados.

Em relação aos países de língua oficial portuguesa, Angola regista 386 óbitos e 16.626 casos, seguindo-se Moçambique (147 mortos e 17.477 casos), Cabo Verde (111 mortos e 11.567 casos), Guiné Equatorial (85 mortos e 5.214 casos), Guiné-Bissau (44 mortos e 2.446 casos) e São Tomé e Príncipe (17 mortos e 1.009 casos).

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egito, em 14 de Fevereiro, e a Nigéria foi o primeiro país da África subsariana a registar casos de infecção, em 28 de Fevereiro.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.675.362 mortos resultantes de mais de 75,6 milhões de casos de infecção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,20 dez 2020 11:04

Editado pormaria Fortes  em  7 mar 2021 23:20

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.