França suspende ajuda ao desenvolvimento para o Mali

PorExpresso das Ilhas, Lusa,18 nov 2022 14:19

O governo francês anunciou a suspensão da sua ajuda ao desenvolvimento no Mali, no meio de tensões com a junta militar, que controla o país desde o golpe de Estado de 2020, em parte devido ao destacamento de mercenários do Grupo Wagner.

Fontes diplomáticas francesas citadas pelo jornal 'Le Monde' especificaram que a decisão foi aprovada "há duas ou três semanas", embora não tenha sido oficialmente comunicada por Paris. A medida suscitou críticas de um colectivo de organizações não governamentais.

A Coordinación Sur, que é composta por 35 ONG activas no país africano, enviou um e-mail no qual alertou que a medida "significará o fim de atividades essenciais (...) em benefício das populações numa situação de grande pobreza".

As organizações detalharam que a suspensão da ajuda francesa coloca em risco 70 projectos de desenvolvimento planeados no Mali, onde 7,5 milhões de pessoas, 35 por cento da população, precisam de ajuda humanitária para sobreviver.

O anúncio surge dias depois de o Presidente francês, Emmanuel Macron, ter oficializado o fim da Operação 'Barkhane' no Sahel, no meio da retirada das tropas internacionais devido às tensões com a junta militar sobre os adiamentos das eleições após os golpes de Estado em Agosto de 2020 e Maio de 2021.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Tópicos

Mali França

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,18 nov 2022 14:19

Editado porSara Almeida  em  18 nov 2022 16:14

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.