Técnicos do Hospital Agostinho Neto param na próxima semana

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,9 nov 2018 14:55

Os técnicos de saúde do Hospital Agostinho Neto, na cidade da Praia, entram em greve nos dias 14, 15 e 16 de Novembro. Em causa, a redução do pagamento de velas, a suspensão da remuneração adicional do pessoal técnico da unidade hospitalar, entre outras reivindicações.

O anúncio foi feito hoje, em conferência de imprensa pelo presidente do Sindicato Nacional dos Enfermeiros e Técnicos de Saúde (SNETS), José Manuel Pereira Vaz.

“Reduziu-se o pagamento de velas do pessoal, porque o cálculo agora é feito numa outra fórmula que ninguém entende. Foi suspensa a remuneração adicional do pessoal da cozinha e lavandeira, que foi negociada por causa de excesso de trabalho, foi retirada a remuneração acessória dos assistentes sociais, técnicos superiores administrativos contratados pelo hospital e que agora não sabemos a que quadro pertencem e, tudo isso segundo dizem foi feito com ordem do ministério da Finanças”, explica.

Os profissionais também reivindicam um Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) especifico.

José Manuel Pereira Vaz também acusa o concelho da administração do Hospital Dr. Agostinho Neto de descriminar a classe dos técnicos de saúde.

"O que está a aparecer é que o concelho de administração, está a desprezar a classe, como se esta classe não colabora para o sistema nacional da saúde. Se não houver alguém para fazer analises, se não há pessoas para fazer raio x, o quê é que um medico e um enfermeiro fazem no banco de urgência, muita pouca coisa, significa que é importante que haja respeito pela classe", diz.

José Manuel Pereira Vaz diz que caso houver um consenso entre o SNETS e, o concelho da administração do Hospital Dr. Agostinho Neto, a greve será suspendida.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,9 nov 2018 14:55

Editado porAndre Amaral  em  10 nov 2018 10:04

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.