Nomeação dos directores-gerais mostra visão do sector da Economia Marítima enquanto pilar fundamental do desenvolvimento do país – Paulo Veiga

PorExpresso das Ilhas,18 jan 2020 7:00

O ministro da Economia Marítima afirmou esta sexta-feira que a nomeação dos directores-gerais da Economia Marítima e dos Recursos Marítimos enquadra-se numa visão estratégica do sector da Economia Marítima como pilar fundamental para o desenvolvimento do país.

Paulo Veiga falava durante a cerimónia de posse de Malik Lopes, ex-assessor do antigo ministro da tutela, ao cargo de director-geral da Economia Marítima e Albertino Martins, que é quadro do IMAR, ex-Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas (INDP), como director-geral dos Recursos Marinhos.

Conforme o governante, é com esta nova visão que o Governo vem adoptando políticas que promovem o crescimento sustentável e consciente da economia do mar com maior e melhor articulação e envolvimento junto das instituições que tutela e das outras instituições relacionadas com o sector marítimo.

“Compete a estas duas direcções, de grande importância para o sector, apoiar este ministério, em coordenação com outras instituições, na elaboração de políticas e programas de domínio dos recursos marinhos nos seus diversos aspectos”, afirmou o ministro.

Paulo Veiga avançou que as direcções vão trabalhar em matérias de gestão, aproveitamento dos recursos marinhos, estimular e apoiar actividades, investimentos e oportunidades de negócio na área da economia marítima e mobilizar parcerias e financiamentos públicos e privados, nacionais e internacionais, que permitem ao desenvolvimento e criação de melhores condições para o sector.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,18 jan 2020 7:00

Editado porAntónio Monteiro  em  20 fev 2020 6:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.