Programa de mitigação do mau ano agrícola já está em implementação em todas as ilhas

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,10 jan 2022 14:43

A directora geral da Agricultura, Silvicultura e Pecuária garantiu hoje que o programa de mitigação dos efeitos do mau ano agrícola, aprovado pelo Governo em Outubro de 2021, já está a ser implementado conforme o previsto.

Eneida Rodrigues deu esta garantia à Inforpress, referindo que o plano é uma continuidade, tendo em conta que, “infelizmente”, desde 2017, o país tem enfrentado a falta de chuva e seca, situação que o Governo tem estado a “driblar” através da implementação de vários programas de mitigação dos efeitos do mau ano agrícola.

“O programa que visa o reforço da resiliência e melhorar a vida dos agricultores e criadores no meio rural tem estado a ser implementado, juntamente com outros programas do Ministério da Agricultura e Ambiente”, assegurou a responsável.

Segundo ela, para além do financiamento através do fundo de emergência, o programa é complementado com outros projectos já em curso e outros que estão a começar, nomeadamente no âmbito do Programa de Promoção de Oportunidades Socioeconómicas Rurais (POSER) e da Agência Nacional de Água e Saneamento (ANAS).

A directora-geral da Agricultura Silvicultura e Pecuária exemplificou com alguns projectos, sobretudo na área de mobilização de água e a instalação do sistema gota-a-gota, com o objectivo de economizar água, projecto que já estava em curso e que foi prorrogado até Dezembro deste ano.

“Não é só a mobilização de água, porque também fazemos todo o trabalho para a gestão de água, instalando os painéis solares para diminuir o custo da água na agricultura e pecuária”, sublinhou Eneida Rodrigues, acrescentando que os contratos de programas com os municípios “já estão assinados e homologados” conforme o previsto.

O programa de mitigação dos efeitos do mau ano agrícola, aprovado pelo Governo no montante de 170 mil contos, inclui medidas de reforço à manutenção da actividade produtiva a nível da pecuária e da agricultura, à mobilização e gestão da água e ao apoio ao rendimento das famílias mais afectadas, através do emprego público nas localidades. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,10 jan 2022 14:43

Editado porAndre Amaral  em  11 jan 2022 9:23

pub.
pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.