Cancro da mama mata 14 mulheres todos os anos em Cabo Verde

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,26 out 2022 12:03

Acto central em alusão ao Dia Mundial do Cancro da Mama
Acto central em alusão ao Dia Mundial do Cancro da Mama Rádio Morabeza

O cancro da mama mata pelo menos 14 mulheres todos os anos em Cabo Verde. Informação avançada, hoje, pela coordenadora do programa nacional de prevenção e rastreio das doenças oncológicas.

Carla Amado Barbosa falava aos jornalistas à margem do seminário “Multisetorialidade na Luta Contra o Cancro da Mama”, realizado pelo Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP).

"Sabemos que nos últimos anos temos uma média de cerca de 50 casos de cancro de mama. Dados estatísticos do ministério da saúde apontam para uma média de 14 mulheres que morrem por cancro de mama anualmente. Sabemos também que em relação ao estádio da doença que nos chegam, mais de 50% dos casos estão em estado avançado”, afirma.

Carla Amado Barbosa recorda que a detecção precoce reduz a taxa de mortalidade.

“Quanto mais cedo diagnosticarmos em termos de tratamento será menos doloroso. O cancro da mama leva várias modalidades de tratamento nomeadamente, cirúrgico, quimioterapia, hormonoterapia, ou mesmo o tratamento molecular, mas também a radioterapia, de todos aquele que eu disse, somente a radioterapia ainda não é uma realidade no país, ou seja, os casos de cancro de mama muitas vezes têm que ser evacuados, e são evacuados para Portugal para continuarem o tratamento com a radioterapia”,explica.

A coordenadora do programa nacional de prevenção e rastreio das doenças oncológicas, Carla Amado Barbosa, alerta para a necessidade de fazer radioterapia em Cabo Verde para evitar as complicações de evacuação e de emoção do paciente.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,26 out 2022 12:03

Editado porSara Almeida  em  27 out 2022 14:29

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.