Presidente da República será Doutor Honoris Causa por universidade do Brasil

PorExpresso das Ilhas, Lusa,31 jul 2019 16:23

​A Universidade Federal de Ouro Preto, de Minas Gerais, vai atribuir o título de Doutor Honoris Causa ao Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, segundo uma resolução da instituição brasileira a que a Lusa teve hoje acesso.

Na decisão, tomada pelo conselho universitário daquela instituição de ensino superior em reunião ordinária de 19 de julho, é justificada a atribuição do título com a “contribuição política” dada por Jorge Carlos Fonseca.

“Uma distinção que muito me honra e privilegia, bem assim, creio, o meu país”, escreveu, entretanto, o chefe de Estado cabo-verdiano na sua conta oficial na rede social Facebook, a propósito da condecoração anunciada.

O título resultou de deliberação do conselho universitário, mediante proposta do Conselho Departamental do Instituto de Filosofia, Arte e Cultura.

Jorge Carlos Fonseca refere igualmente que a outorga ocorre “num tempo de celebração dos 50 anos da criação da Universidade”, recordando que Ouro Preto tem um acordo de geminação com o município cabo-verdiano de Ribeira Grande de Santiago.

Ouro Preto e a Cidade Velha (em Ribeira Grande) são ambos Património Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO, na sigla em inglês).

Jorge Carlos Fonseca, jurista e professor universitário, com 68 anos, foi eleito Presidente da República de Cabo Verde em 2011 e reeleito para um último mandato em 2016.

Em 2017 recebeu o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade de Lisboa e no ano anterior a Medalha de Honra da Universidade de Hradec Kralové, da República Checa.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,31 jul 2019 16:23

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  14 out 2019 23:23

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.