Novo embaixador dos EUA entrega cartas credenciais ao Presidente da República

PorAndre Amaral,10 set 2019 14:32

Jeff Daigle sucede a Donald Hefflin no cargo de embaixador dos EUA em Cabo Verde.

O novo embaixador dos EUA entregou, hoje, as suas cartas credenciais ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca.

No discurso que fez na presidência da República, o diplomata norte-americano comprometeu-se a trabalhar "diligentemente para desenvolver iniciativas importantes, como a construção do nosso edifício da embaixada" e que irá continuar "a trabalhar com o governo para avançar os nossos objectivos comuns na melhoria da segurança e dos Estado de Direito".

Daigle disse ainda que vai estar presente no próximo Cabo Verde Investment Forum que se realiza em Boston no final deste mês de Setembro. "A minha participação", disse o diplomata norte-americano, "tem como objectivo demonstrar o compromisso do meu país em fortalecer os laços económicos e comerciais".

Uma palavra ainda para a situação da emigração ilegal de Cabo Verde para os EUA. À saída do encontro com Jorge Carlos Fonseca, e questionado sobre esse tema, Jeff Daigle lembrou que "11% dos cabo-verdianos excede o seu tempo de permanência legal no país" e explicou que este "não é um crime sem vítimas, uma vez que prejudica todos os cabo-verdianos que tentam obter um visto e não conseguem, porque a embaixada se vê obrigada a aplicar critérios mais restritos na atribuição de vistos". O novo embaixador dos EUA em Cabo Verde disse ainda que, actualmente, a percentagem de cabo-verdianos que excedem o seu período de permanência legal  naquele país colocam Cabo Verde no mesmo grupo que o Sudão e a Somália "países com que Cabo Verde não quer, por certo, estar agrupado", concluiu.

Funcionário do Governo na Comissão de Consultoria de Diplomacia Pública, Daigle tem conhecimentos das línguas portuguesa, francesa e 'khmer' (idioma oficial do Camboja), segundo a Casa Branca.

A nomeação para embaixador significa uma promoção na carreira de Daigle, que actualmente é membro da classe de conselheiro de ministro nos Serviços Estrangeiros Seniores dos EUA.

Com uma carreira diplomática e de funcionário do Estado, John Jefferson Daigle trabalhou também no gabinete do secretário-adjunto dos EUA para a Diplomacia e Assuntos Públicos e fez parte de missões diplomáticas dos EUA no Camboja e no Iraque, tendo recebido o Prémio de Serviço Expedicionário pelo seu serviço no Iraque.

O currículo de John Jefferson Daigle também inclui a função de coordenador-adjunto do Gabinete de Programas de Informação Internacional, um ramo do Governo norte-americano, com cerca de 700 escritórios em mais de 150 países, onde os cidadãos estrangeiros podem informar-se sobre os Estados Unidos da América.

Daigle é licenciado pela Universidade estadual de Louisiana.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,10 set 2019 14:32

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  11 set 2019 11:35

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.