Prémio Nacional de Publicidade com parceria do Ministério da Cultura até final do mandato

PorAdilson Pereira,8 mar 2018 12:11

Maria Martins - EME, Abraão Vicente - MIC
Maria Martins - EME, Abraão Vicente - MIC

O ministro da Cultura e das Indústrias Criativas avançou que o seu ministério vai manter a parceria com a entidade promotora do Prémio Nacional de Publicidade (PNP) até ao final do mandato. O orçamento do evento para este ano ronda os 4,5 mil contos.

Abraão Vicente fez esta declaração, hoje, à margem da assinatura do protocolo de parceria entre o Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas (MCIC) e a EME – Marketing & Eventos, entidade que promove a segunda edição do PNP.

Segundo Abraão Vicente, o Ministério da Cultura “tem estado a sair de tudo aquilo que são eventos”, mas deu garantias de manter a parceria com o PNP. “Creio que vamos fazer esta parceria até ao fim do mandato”, assegura.

Acrescentou: “porque creio que é um sector emergente, faz parte da produção de conteúdos, pela publicidade, pelo valor dos criativos, nós podemos colocar Cabo Verde num outro nível.”

Abraão Vicente reafirmou o compromisso de ajudar os galardoados no PNP a se inscreverem nos eventos internacionais. “Creio que o papel do ministério será assumir os custos das viagens”, afirma, contando com o envolvimento da entidade promotora do evento.

Maria Martins, administradora da EME, vê com bons olhos a disponibilidade do ministério em avançar com esta parceria. “Isto é sinal de que as relações estão sendo reforçadas e serão fortalecidas no decurso do ciclo de vida do PNP”, afirma.

Para Maria Martins, o mercado da publicidade em Cabo Verde está a um bom ritmo de crescimento. “Queremos com este prémio estimular ainda mais”, assegura.

Segundo a organização, a atribuição do prémio do público é a grande novidade desta segunda edição. “Damos a voz à sociedade civil, o grande púbico, que consome a publicidade, para escolher a peça que mais lhe agradou durante o ano 2017”, diz. A votação para esta categoria processa-se através do portal Sapo.cv e está aberta até 14 de Março.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Adilson Pereira,8 mar 2018 12:11

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  2 fev 2019 17:14

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.