​CNAD lança edital Cota Zero

PorDulcina Mendes,30 jun 2024 9:58

O Centro Nacional de Arte, Artesanato e Design (CNAD), sob a superintendência do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, anunciou esta quinta-feira, 27, na sua página na rede social, o lançamento do edital Cota Zero.

Segundo o CNAD, o edital visa reconhecer, incentivar e desenvolver a criação artística dos jovens criadores cabo-verdianos, residentes em território nacional ou na diáspora, com idade máxima de 35 anos.

“Esta iniciativa propõe reunir as condições necessárias para que os jovens criadores possam expor projectos que integrarão a programação do Centro Nacional de Arte, Artesanato e Design, na Galeria Zero”, explica a mesma fonte.

Os interessados podem enviar as suas candidaturas através de email: cnad.geral@gov.cv; ou através de correio registado com aviso de receção para o endereço CNAD – Centro Nacional de Arte, Artesanato e Design - CP 1027, Mindelo, São Vicente – Cabo Verde; ou ainda entregue pessoalmente nas instalações do CNAD – Centro Nacional de Arte, Artesanato e Design, na Praça Nova, Mindelo, São Vicente, em envelope A4 fechado, com a expressão Cota Zero, e sem qualquer identificação por parte dos candidatos.

As candidaturas serão aceites até o dia 01 de Agosto de 2024. Será atribuída uma bolsa no valor de 150 mil escudos à proposta mais bem avaliada pelo júri especialmente constituído para o efeito.

O júri será composto por cinco elementos, dois representantes do CNAD, e 3 especialistas na área das artes visuais e afins. A avaliação dos projectos será feita através de encontro presencial no CNAD.

Além de atribuir uma bolsa no valor de 150 mil escudos à proposta mais bem avaliada, o CNAD irá divulgar o trabalho artístico, criar as condições para a materialização do projecto e apoiar nos custos de produção, montagem, desmontagem, comunicação e apoio técnico.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,30 jun 2024 9:58

Editado porSheilla Ribeiro  em  30 jun 2024 11:51

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.