Elísio Freire garante que fez tudo que é legalmente possível para que fosse concedido visto a todos atletas de andebol

PorSheilla Ribeiro,7 nov 2020 8:03

O ministro de Desporto, Elísio Freire, garantiu, esta sexta-feira, que fez tudo o que é legalmente e diplomaticamente possível para que fosse concedido visto a todos atletas que participam no Mundial de Andebol 2021.

O governante falava em conferência de imprensa sobre o Conselho de Ministros. Conforme disse, antes da entrada do pedido de visto, reuniu-se com o embaixador de Portugal, comunicando quais eram os atletas que a delegação de Cabo Verde iria enviar para o estágio que decorre naquele país de 2 a 8 de Novembro.

“Oficialmente enviamos uma nota a pedir o visto e depois comunicaram aos atletas que não foi concedido o visto e eu pessoalmente voltei a enviar uma carta dizendo que assumia, enquanto Governo de Cabo Verde toda a responsabilidade no regresso dos atletas na segurança de que estávamos perante um processo institucional. Mas, o Centro Comum de Vistos alegou os motivos que alegou temos é que trabalhar para que estas situações não aconteçam”, apontou.

Conforme assegurou, o Governo continuará empenhado em manter as melhores relações com todos os países, nesse caso concreto com Portugal, mas também estará “firme e determinado” em defender os interesses dos cabo-verdianos e de Cabo Verde.

“O Governo está a fazer tudo para que a selecção nacional de andebol tenha todas as condições tanto financeiro como logísticas institucionais para estar presente no mundial de Egipto 2021, assim como a questão da realização de estágio. A selecção terá um outro estágio daqui há pouco tempo e até lá teremos todas as condições de suprir todas as falhas que possam ter acontecido no processo, o que posso garantir é que o governo fez tudo para que todos os convocados tivessem o estágio”, propiciou.

O Centro Comum de Visto recusou vistos a atletas pré-convocados para Mundial de Andebol 2021, pelo que o Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ) garantiu que tudo fará para esclarecer junto às entidades competentes.

A selecção nacional de andebol masculina concentrou-se esta segunda-feira no Porto (Portugal), no seu primeiro estágio de preparação para o 27º Campeonato do Mundo. Para além deste estágio inicial, a direcção da Federação Cabo-verdiana de Andebol tem ainda agendado um segundo estágio de preparação em Dezembro, que culmina com a deslocação do combinado crioulo ao Egipto, para a sua primeira participação de sempre no mundial.

O 27º Campeonato do Mundo vai ser disputado de 13 a 31 de Janeiro no Egipto. Cabo Verde integra o Grupo A do Mundial 2021, onde tem a companhia das selecções nacionais da Alemanha, da Hungria e do Uruguai.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,7 nov 2020 8:03

Editado porSheilla Ribeiro  em  7 nov 2020 16:03

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.