Governo garante transparência do concurso ganho pela Transinsular

PorAndre Amaral,17 out 2018 12:24

1

Secretário de Estado da Economia Marítima garantiu hoje que o concurso público internacional de concessão do serviço público marítimo interilhas foi legal e transparente.

"Estamos num Estado democrático. Todos temos direito de recorrer às instituições que achamos convenientes para garantir os direitos que pensamos ter", disse Paulo Veiga aos jornalistas quando questionado sobre a possibilidade de impugnação de decisão do concurso que declarou a Transinsular como a concessionária do serviço público marítimo interilhas.

"Do nosso ponto de vista não há nenhuma irregularidade no concurso", acrescentou ainda Paulo Veiga. "O concurso foi transparente, registaram-se muitas reclamações que foram analisadas pelas instituições próprias e as decisões foram as que foram".

Quanto à possibilidade anunciada ontem pelo governo de os armadores nacionais poderem participar no capital da empresa, até um limite de 25 do capital, Veiga explicou que a forma dessa participação "irá ser negociada e anunciada atempadamente. Vão haver diversas formas como poderão entrar".

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,17 out 2018 12:24

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  9 jul 2019 23:22

1

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.