Hotéis com baixa lotação para quadra festiva na ilha de São Vicente

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,20 dez 2021 14:47

Hotéis e residenciais em São Vicente estão até ao momento com baixa lotação para a quadra festiva que se avizinha e os responsáveis falam em reservas abaixo dos 20% ou até “sem nenhuma reserva”.

Segundo informações recolhidas pela Inforpress junto dos empreendimentos hoteleiros, no Mindelo, sobre como se vislumbra esta época de Natal e final de ano neste período de alguma retoma turística o hotel Don Paco foi um dos que admitiu “não estar nada bom”.

O hotel, que costuma estar com lotação a 100% por esta altura, tem até ao momento, segundo o responsável da recepção, Edir Nascimento, um nível de reserva de cerca de 20% e que não deverá melhorar até o fim do ano.

“Estamos até agora com uma estadia de 11 pessoas por dia e poucas reservas, somente no dia 30 devemos ter um pequeno grupo de alemães no hotel”, assegurou a mesma fonte.

Quanto ao MindelHotel, conforme informações do serviço de recepção, o cenário mostra-se bem pior, isto porque, segundo a mesma fonte, a ocupação até agora é “muito baixa e sem reservas” para o Natal e final de ano.

A responsável pelo hotel Lazareto, Emitéria Brito, por seu lado, também respondeu no mesmo sentido, ou seja, “sem nenhum cliente e sem qualquer reserva”.

O hotel Foya Branca regista igualmente baixa lotação, no caso 13%, que se mantém durante toda a quadra e mais com clientes estrangeiros. Mas a chefe da recepção, Oly Monteiro, mostra-se bem optimista por a percentagem estar “bem melhor” em relação ao que se passava há alguns meses atrás.

Entretanto, nem tudo são lamentos, isto porque no hotel Porto Grande, do Grupo Oásis, o serviço de recepção, sem avançar números, assegurou estar com uma “lotação boa”.

No Kyra´s Boutique Hotel, empreendimento de 11 quartos, a situação está “muito melhor que o ano passado”, admitiu a sócio-gerente, Isabel Spencer.

Conforme a mesma fonte, o hotel deverá estar a 100% no Natal e para o final do ano ainda as reservas estão a 70%.

“Estávamos a cem por cento no fim de ano, mas tivemos alguns cancelamentos, entretanto esperamos atingir os cem por cento até lá”, considerou Isabel Spencer, regozijando-se com a “aparente retoma”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,20 dez 2021 14:47

Editado porAndre Amaral  em  19 set 2022 23:28

pub.
pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.