Padarias na Praia estão a vender o pão carcaça abaixo do peso exigido por lei

PorSheilla Ribeiro,17 jan 2023 18:45

Padarias na cidade da Praia estão a vender o pão carcaça grande abaixo do peso exigido por lei, conforme constatou a Inspeção Geral das Atividades Económicas (IGAE).

Num comunicado publicado esta terça-feira na sua página do Facebook, a IGAE informa que esteve durante todo o dia 17, numa acção de fiscalização em diversas padarias da cidade da Praia, tendo sido inspecionadas quatro padarias.

A acção de fiscalização, segundo informou, terá continuidade nesta quarta-feira, 18 e em São Vicente, uma outra equipa estará no terreno, a partir desta quinta-feira.

“Neste primeiro dia, constatou-se que o peso do pão carcaça grande está abaixo do peso regulamentado pela portaria em pauta”, lê-se.

A IGAE constatou ainda não conformidades em três padarias, como licença de funcionamento caducada, não envio de folhas de reclamações, falta de afixação do preço do produto, sobretudo na afixação do preço do pão carcaça pequeno e grande.

Segundo a mesma fonte, três das quatro padarias fiscalizadas hoje na Praia, aumentaram o preço das carcaças pequenas e grandes.

A portaria n.º 64/2010 de 30 de Dezembro fixou no seu artigo 3.º “o peso do pão formato pequeno em 50 gramas e formato grande em 100 gramas”.

Diz ainda que “ficam os operadores do sector obrigados ao cumprimento rigoroso do peso estabelecido” e que a fiscalização do cumprimento do disposto da portaria compete à Inspeção Geral das Atividades Económicas (IGAE).

De referir que o preço do pão aumentou na última semana, devido ao aumento do preço do saco de farinha de trigo de 50 quilos de 2.090 escudos para 4.600 escudos, já que o governo deixou de subsidiar a mesma.

Entretanto, o Primeiro-ministro anunciou, no término de uma visita às instalações e Serviços da Procuradoria-Geral da República, que o Governo vai reunir-se esta quarta-feira para analisar a situação do aumento do preço do trigo e tomar uma decisão sobre o assunto.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,17 jan 2023 18:45

Editado porAndre Amaral  em  18 jan 2023 14:25

pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.