Destaques da edição 847

PorExpresso das Ilhas,21 fev 2018 4:14

Nesta edição, o Expresso das Ilhas faz manchete com a Electra: Furtos e perdas de energia deram prejuízos de 2,7 milhões de contos em 2017.

Só durante o ano passado a Electra entregou na Procuradoria-Geral da República cerca de 1200 queixas por furto e fraude de energia eléctrica, disse ao Expresso das Ilhas o Administrador Executivo da empresa, Alcindo Mota. Além disso, mais de um quarto da electricidade produzida pela Electra perde-se durante a distribuição. Casos de furto de energia foram detectados em bairros de classe média e média alta.

Também neste número, Programa plataformas para o desenvolvimento local e os Objectivos 2030 em Cabo Verde: Novas parcerias, melhores decisões. Quando o governo apresentou o Programa de Plataforma para o Desenvolvimento Local e Objectivos 2030 em Cabo Verde, em Fevereiro do ano passado, o Primeiro-Ministro disse que esta plataforma vinha ao encontro da filosofia de capacitar os municípios e criar parcerias com o envolvimento de vários actores: câmaras municipais, universidades, Sociedade Civil. Como sublinhou Ulisses Correia e Silva, na altura, “nós vemos as nossas ilhas não como espaços de problemas, mas como espaços de soluções. Todas as ilhas de cabo verde têm potencial de crescimento, de geração de emprego, de produção e de criação de oportunidades”. Um ano depois, é chegado o tempo de fazer o balanço e de traçar os próximos passos do programa.

Lígia Fonseca: “Quem não consegue cumprir, não deve estar onde está”. A Primeira-Dama, Lígia Fonseca falou ao Panorama 3.0, da Rádio Morabeza, sobre o papel da escola na sociedade cabo-verdiana e pediu mudanças na sala de aula. Sobre o desaparecimento de menores, a mãe e advogada exigiu respostas e responsabilização.

Proposta de lei da regionalização em debate público. Com o objectivo de apresentar a proposta de lei de regionalização e de recolher contribuições dos presentes, o Governo vai fazer a apresentação da proposta de lei da regionalização, numa conferência, esta sexta-feira, 23, que vai ser presidida pelo primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva.

José Luís Zapatero: “Onde as mulheres ganham direitos, os países progridem”. José Luís Rodríguez Zapatero veio a Cabo Verde, no quadro do projecto INSPIRED + Cabo Verde com uma missão: promover os direitos fundamentais das empregadas domésticas. Com uma agenda preenchida, nos dias 19 e 20, a mensagem do antigo presidente do Governo espanhol estendeu-se à luta pelos direitos de todas as mulheres, pela igualdade de género, que apelida de direito fundamental que arrasta todos os outros, e pela reparação da injustiça histórica, da subjugação da mulher ao longo dos séculos.

Gianni Infantino quer ajudar no desenvolvimento do futebol em Cabo Verde. Presidente da FIFA garante a concretização de projectos como o Centro Técnico na ilha do Sal, a adaptação do Estádio Adérito Sena, no Mindelo, para acolher jogos da selecção nacional, tendo considerado “importante para que num país insular não se jogue só na capital”.

No interior, a opinião de José Tomaz Veiga, Nós, o referendo e a CEDEAO; de Paulino Dias, Aeroporto para Santo Antão? Sim senhor; de Vieira Lopes, Ainda sobre o estado da justiça em Cabo Verde; e de José Silva Évora, Subsídio para o estudo dos navios de cabotagem nos mares de Cabo Verde. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,21 fev 2018 4:14

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 fev 2018 7:05

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.