Messenger permitirá apagar mensagens depois de enviadas

PorExpresso das Ilhas,25 fev 2019 6:47

​Facebook oferece 10 minutos para eliminar comentários em nosso chat ou para todo mundo

A correria, dar opiniões com a cabeça quente... são muitas as situações em que, uma vez pressionado o botão ‘enviar’, nos arrependemos e desejamos nunca ter feito tal comentário. O Facebook, no olho do furacão por suas polémicas questões sobre privacidade, é o líder absoluto quando se trata de mensagens instantâneas se somarmos os textos enviados através do WhatsApp, Messenger e o Instagram Direct. Essa liderança e a experiência ao longo dos anos permitem que a empresa conheça bem seus usuários e, nesse sentido, poder cancelar o envio de uma mensagem sempre foi uma demanda que, finalmente, chega à plataforma do Messenger.

O aplicativo de mensagens integrado no Facebook é usado mensalmente por mais de 1,3 bilhão de usuários (é especialmente popular nos Estados Unidos) e, a partir de agora, como avança o El País, permitirá que a pessoa se arrependa do envio de uma mensagem. A empresa de Zuckerberg explica como o sistema funciona em seu blog: é simples, basta manter o dedo pressionado sobre a mensagem a ser cancelada e veremos a opção “eliminar”. Em seguida, é possível selecionar se só queremos apagar a mensagem em nosso chat ou “para todos”. No entanto, esta decisão deve ser tomada antes de 10 minutos; após esse prazo, não será mais possível eliminar a mensagem.

Segundo a mesma fonte, Suspender o envio de mensagens também será possível em grupos e, assim como no WhatsApp, nossa decisão aparecerá no chat do destinatário com o texto “mensagem apagada”, nos delatando.

No entanto, o Facebook avisa que mensagens com conteúdo violento, insultos, ameaças ou qualquer outro conteúdo que não respeite as normas da comunidade poderão ser reportadas, mesmo que tenham sido eliminadas pelo remetente. Ou seja, se alguém nos ameaçar pelo Messenger e, posteriormente, apagar essa mensagem com a ameaça, o destinatário poderá reenviar a referida mensagem (mesmo que excluída) ao Facebook para que sejam tomadas medidas apropriadas.

Este novo recurso aparecerá gradualmente para todos os usuários dos sistemas iOS e Android que tenham a versão mais recente do aplicativo. Com isso, o Facebook quer permitir um pouco mais de calma nas conversas, sabendo que, se estivermos errados, teremos uma pequena margem para arrependimento.

Texto originalmente publicado na edição impressa doexpresso das ilhasnº 899 de 20 de Fevereiro de 2019.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,25 fev 2019 6:47

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  14 nov 2019 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.