12 lugares de onde deve fugir em 2018

PorExpresso das Ilhas,26 jan 2018 15:31

Veneza
Veneza

Depois de ter elegido os 18 melhores lugares do mundo para visitar em 2018, numa lista onde honrosamente consta Cabo Verde, a CNN lança agora os 12 locais a evitar. Muitos deles são ex-libris do turismo mundial.

A acompanhar esta lista, que está para a dos melhores locais assim como os Razzies estão para os Óscares, a CNN apresenta também os motivos porque devem os viajantes manter-se longe destes destinos. São razões que vão da animosidade da população, a questões ambientais, passando pelas filas impossíveis e necessidade de protecção desses mesmos locais.

Os piores lugares para visitar são:

Ilha de Skye, Escócia
Ilha de Skye, Escócia

1 - Ilha de Skye, Escócia

Motivo: os residentes não gostam muito de turistas. Queixam-se que são barulhentos e que urinam em todo o lado.

Barcelona, Espanha
Barcelona, Espanha

2 - Barcelona, Espanha

Motivo: no ano passado foi notícia a onda anti-turistas que invadiu a capital catalã. Graffitis anti-turismo estão aliás espalhados pela cidade e os residentes queixam-se que o turismo tem tornado as rendas incomportáveis.

Dubrovnik, Croácia
Dubrovnik, Croácia

3 - Dubrovnik, Croácia

Motivo: A pequena cidade croata tornou-se um destino da moda após ter sido cenário de várias cenas na popular série “Guerra dos Tronos”. Contudo, a sobrelotação levou a UNESCO a ameaçar retirar-lhe o estatuto de Património Mundial, pelo que o número de turistas está a ser controlado.

Veneza, Itália
Veneza, Itália

4 - Veneza, Itália

Motivo: Mais uma vez a sobrelotação. Veneza é desde há muito um dos destinos mais requisitados do mundo. Por ano a cidade recebe a exorbitância de 30 milhões de turistas. A população está descontente e o turismo está inclusive a por em causa as próprias estruturas da cidade dos canais.

Santorini, Grécia
Santorini, Grécia

5 - Santorini, Grécia

Motivo: Outro popular destino, sobrelotado. A Câmara Municipal está preocupada que a ilha perca o seu charme com o turismo massivo dos últimos anos.

Butão
Butão

6 - Butão

Motivo: Apesar de ainda não ter o número exorbitante de turistas dos locais anteriores, teme-se que sofra um impacto ambiental nocivo. É cobrada uma quota aos turistas.

Taj Mahal, Agra, Índia
Taj Mahal, Agra, Índia

7 - Taj Mahal, Agra, Índia

Motivo: Mais um ex-libris do turismo mundial. Diz a CNN que devido ao número exagerado de turistas a experiência é caótica. Além disso, o próprio mausoléu está a degradar-se devido às enchentes de turistas.

Monte Evereste, Nepal
Monte Evereste, Nepal

8 - Monte Evereste, Nepal

Motivo: a CNN aponta neste caso as múltiplas restrições à subida da montanha: cegos, amputados, alpinistas sozinhos.

Machu Pichu, Peru
Machu Pichu, Peru

9 - Machu Pichu, Peru

Mais uma vez o excesso de afluência é a causa da sua entrada nesta lista. Segundo diz a CNN, o número de visitantes é o dobro do aconselhado pela UNESCO e estão a ser tomadas medidas para para o diminuir.

Ilhas Galápagos, Equador
Ilhas Galápagos, Equador

10 - Ilhas Galápagos, Equador

Motivo: com um ecossistema muito rico, mas frágil, é preciso que o número de visitantes se mantenha baixo. Por isso, também aqui, os turistas não são bem vistos.

Cinque Terre, Itália
Cinque Terre, Itália

11 - Cinque Terre, Itália

Motivos: os habitantes queixam-se de que os turistas não gastam dinheiros quando visitam o local. Além disso, a afluência tem aumentado os deslizamentos de terra. Por isso, a receptividade não é boa.

Antártida
Antártida

12 - Antártida

Motivo: Mais um local que está na lista devido ao impacto ambiental provocado pelos turistas.

Na ponta oposta está a lista dos destinos a conhecer em 2018 onde figura Cabo Verde.

Sobre o arquipélago, os jornalistas da CNN Travel elogiam, a experiência de viagem que resulta da mistura entre influências brasileiras, africanas e ibéricas, “num lugar abençoado com um cenário e clima incríveis”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Tópicos

CNN turismo

Autoria:Expresso das Ilhas,26 jan 2018 15:31

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  24 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.