Os carros do futuro

PorExpresso das Ilhas,26 dez 2018 15:54

Com 2018 a dar os seus últimos suspiros e depois de lhe termos mostrado o que de melhor se fez na indústria automóvel durante este ano, é altura de lhe mostrarmos o que pode esperar do futuro... quase imediato.

2018 foi um ano animado pelo crescimento de vendas de automóveis. A crise económica e financeira parece já ter passado e o mundo volta a olhar para os automóveis como objectos de desejo e não um gasto supérfluo. 2019 está aí à porta e traz novidades.

Comecemos pela Peugeot. O novo 508 já circula nas estradas europeias e para 2019, já para Janeiro, está prevista a chegada da versão SW.

Baseada na plataforma EMP2 do Grupo PSA, que permitiu a redução do peso (menos 70 kg, em média, em relação à geração anterior), a nova carrinha francesa mede 4,78 metros de comprimento, apenas mais 3 cm do que a berlina de que deriva e menos 5 cm do que a sua antecessora. A bagageira tem uma capacidade de 530 litros sob a chapeleira, perdendo 30 litros comparativamente à carrinha da geração anterior. À semelhança da nova berlina Peugeot 508, a SW conta com a mais recente interpretação do i-Cockpit, como a nova geração de motores da marca: a gasolina, os PureTech 180 cv EAT8 (caixa automática) e PureTech 225 cv EAT8; na gama Diesel, quatro opções BlueHDi com potências entre os 130 e os 180 cv. No segundo semestre de 2019, a oferta será enriquecida com uma versão a gasolina Híbrida Plug-In.

image

Também na Europa, desta vez na Alemanha, surge mais uma novidade. O Mission-e o primeiro eléctrico da Porsche vai mudar de nome e vai começar a ser comercializado a partir do próximo ano com o nome de Taycan.

Tecnicamente, o destaque vai inteirinho para os dois motores síncronos (PSM) com uma potência superior a 440 kW (600 cv), a autorizarem 0 a 100 km/h em menos de 3,5 segundos; em menos de 12 segundos, o Taycan está lançado a 200 km/h. Isto com uma autonomia máxima anunciada de 500 km. O eléctrico da Porsche irá posicionar-se entre o Cayenne e o Panamera, não são conhecidos preços definitivos, mas conte-se com mais de 100 mil euros de automóvel.

image

De terras de Sua Majestade chegará ao mercado o automóvel de estrada mais potente, ágil e com melhor desempenho já produzido pela Jaguar. Um desportivo com construção manual e artesanal, apenas ao alcance de alguns afortunados (o preço de venda arranca nos 232.400 €; é a segunda Edição de Colecionador Jaguar da Special Vehicles, depois do F-Type Project 7 de 2014), equipado com um motor V8 5.0 a gasolina, sobrealimentado, de 600 cv. Acelera de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos e atinge uma velocidade máxima de 320 km/h, números conseguidos também à custa de várias modificações na estrutura de alumínio leve do XE, incluindo para-choques em fibra de carbono com entradas de ar melhoradas, capot em fibra de carbono, cavas das rodas alargadas para acomodar as jantes de alumínio forjado de 20 polegadas, repartidor frontal ajustável, para-choques traseiro em fibra de carbono e asa traseira aerodinâmica ajustável.

image

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,26 dez 2018 15:54

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 jan 2019 21:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.